Você está se tornando uma chata e nem sabe disto!

.
Cynthia Mittweg, em Into The Gloss


Existem comportamentos que fazem com que as pessoas fujam de você como o demo foge de água benta. Quando eu era criança e morava em Jaú (SP), tinha um mendigo na cidade apelidado de “Vento Encanado”, pois onde ele entrava, o povo se mandava! O cara era muito chato!
Será que você também está se tornando uma chata e nem sabe disto? Veja os comportamentos que assustam as pessoas e fazem que você se transforme em um “Vento Encanado”:

1. Você é umbiguda

Umbiguda é aquela pessoa que só pensa em si mesma. É como se ela só mirasse o próprio umbigo. Se você só fala de você, só pensa em você e não está nem aí com que está do seu lado, cuidado! Você está se tornando uma chata!
Eu tenho uma amiga que estava numa fase ruim e só falava de si mesma, até que meu marido perdeu a paciência, interrompeu e disse: “Agora quem vai falar sou eu”. Ela não deixava ninguém falar, nem mesmo para ajudá-la!

2. Você só se importa com a aparência

Você só olha a beleza exterior e não está nem aí com o que você tem por dentro e nem com o que as pessoas a sua volta são. Olhe-se no espelho, você é linda! Mas como está o seu interior? Ele é tão bonito quanto o seu rosto?

3. Você é competitiva

Tem gente que é competitiva até com doença. Sabe aquela pessoa que você diz que está com dor de cabeça e ela conta que tem uma enxaqueca eterna e narra todo o seu trágico sofrimento?
E aquela amiga para quem você conta toda feliz que perdeu 2 quilos depois de muito esforço e ela faz o maior pouco caso dizendo que perdeu 4 quilos?
Gente competitiva é muito chata!

4. Você vê seus amigos como inimigos

Já convivi com gente assim e é horrível! A pessoa estava rindo e brincando com todo mundo e quando os amigos viravam as costas, ela começava a dizer que ninguém iria gostar dela se ela ganhasse menos . Falava horrores dos amigos pelas costas.
Cuidado! Seus amigos são seus amigos e não seus adversários!

5. Você questiona a importância que você tem para os outros

Se duas amigas suas saem e não convidam você, é um direito delas! Deixe de ser chata e não cobre a falta do convite.

6. Você é a dona do pedaço

Num grupo de amigos você começa a dar ordens para todo mundo. Marca a hora para o encontro, decide o lugar onde quer que a turma vá, escolhe primeiro o prato no restaurante e tenta influenciar os demais com a sua escolha. Pode parar! Você não é uma líder! Você é uma chata!

7. Você é desonesta

Esta é de lascar! Você mente para seus amigos. Promete guardar um segredo e na primeira oportunidade faz do que falaram para você o assunto da conversa.
Você pede dinheiro emprestado e não paga.
Você pede frutos do mar no restaurante, enquanto sua amiga pede uma massa e na hora de pagar a conta, divide meio a meio.

8. Você é grosseira

Tem gente que acha que ser grosseira é ser autêntica. Não é!
Tome cuidado com o seu gênio do cão e não arme um barraco no restaurante porque o garçom está demorando em atender sua mesa.
Existem maneiras e maneiras de falar as coisas e algumas delas podem fazer de você uma pessoa inesquecível, no mau sentido.

9. Ninguém pode contar com você

Na hora que as coisas estão ruins, você corre para chorar no ombro de sua amiga, mas quando a situação se inverte, ninguém pode contar com você. Você arruma desculpa para não visitar amiga no hospital, para faltar no batizado do sobrinho, para não ir ao velório do pai da sua amiga...  Mais hora, menos hora, as pessoas vão perceber e vão fugir de você.

10. Você é sempre negativa

Todo mundo tem lá um dia ruim e pode até reclamar da vida, mas tem gente que reclama da vida o tempo todo. O marido não é bem aquilo que ela queria, o filho é problemático, o aluguel está alto, ela odeia o próprio corpo, ganha pouco... E por aí vai! Se você está nesta, pode parar! Você é uma chata!


Talvez você não se veja na maioria dos itens que eu coloquei, mas com certeza vai ver uma ou algumas pessoas que você conhece em vários itens desta lista. Conforme eu ia fazendo a lista, eu ia pensando, esta aqui é a Fulana, esta é a Beltrana. Ver os defeitos dos outros sem se analisar não adianta nada. Eu olho o que as pessoas estão fazendo de errado e paro pensar se não estou fazendo o mesmo. Se estou, então é hora de mudar.

Este post pode ser de utilidade publica e você pode mandar o link para algumas pessoas que você conhece e que estão na fase da chatice.


Beijinho da blogueira


Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

52 comentários:

  1. Puxqa, que bela seleção se chatices e uma ou duas dessas até dá pra aguentar, mais que isso: Looooooooooooooooooooooooooooooooonge de nós!! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Betty,
    Amei. Muito bem escrito, como sempre!
    Bjs,
    Zilma

    ResponderExcluir
  3. Muito bom, Betty! Achi que não me enquadrou nesses itens, mas é bom sempre se policiar!!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vivo de olho em mim. Todo mundo tem direito a uma chatice, o duro é qdo se torna crônica.

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Ah, eu conheço muita gente que se encaixa em alguns ítens, principalmente na competitividade! E tenho uma amiga que tem síndrome de Poliana...para ela tudo está sempre bem, pode estar caindo o maior temporal...ela vem com aquela voz mansa...ai, que coisa mais linda essa chuva né??E fala tipo bebê...um exagero de otimismo que me irrita. E eu mesma já tive e tenho os meus dias de chata, principalmente na TPM. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi RÔ,
      Não pensei no excesso de otimismo, mas pode ser irritante mesmo.

      Excluir
  6. Excelente Betty, fazendo a meia culpa, no passado me encaixava me muitos itens, não tenho vergonha de confessar que mudei muito, e para melhor com a maturidade. o bom que sempre dá tempo de melhorar e fazer diferente.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Às vezes dou uma escorregada, mas me policio para não virar uma chata.

      Excluir
  7. Olha,.... tive vontade de mandar o link pra "alguéns".... mas aí me achei uma chata e resolvi deixar pra lá!
    hahahahaha
    Beijos,

    Luciana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu,
      Conheço vários alguém que precisam ler este post, mas infelizmente, quem lê, não precisa.

      Excluir
  8. Concordo Betty!
    Vou até compartilhar!!
    Bjos!
    =)

    ResponderExcluir
  9. oi Betty

    Acho que de chata e louca todas nós temos um pouco.
    Só que devemos dosar bem, pq ninguém, suporta alguém assim todos os dias.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  10. Ola Betty
    lir e relir umas duas vezes o texto para ver se estou "CHATA"
    Depois do meu acidente,fiquei um periodo,muito pouco mas fiquei
    "Umbiguda"..minhas amigas,vizinhas,conhecidos ligavam para saber de mim e eu
    disparava a falar de mim ..parei,meditei,refletir e percebir o quanto eu estava egoista!
    Graças a Deus eu me corrigi,fiquei super em paz ao ler todos os itens e ver que não me enquadro!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Patricia,
      Chatice temporária todo mundo tem, o duro é qdo se torna permanente.

      Excluir
  11. Oi Betty, adorei viu?
    Se você um dia quiser mudar de profissão e vir para a área psi, tem futuro!
    Quando estou numa fase difícil como agora, eu prefiro me isolar um pouco, porque acho chato ficar falando de problemas com as pessoas. Quando as coisas melhoram, aí eu ligo para as amigas, vou visitar , conto o que aconteceu e tudo volta ao normal, as pessoas que me conhecem já sabem que funciono assim e respeitam.
    Bjs
    P.S. Acho que você vai gostar do vídeo, achei muito legal, principalmente uma parte em que ela fala de como passamos mensagens subliminares de troca de afeto por consumo para as crianças.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      Qdo estou com problemas, eu tb fico quietinha, às vezes um pouco demais, o que chega a preocupar as pessoas, mas é melhor assim, do que sair chorando, incomodando.

      Excluir
  12. Parabéns pelo post é muito bom pra analise. hehe Bju

    http://capricheinlife.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Betty!!
    Quando eu sei que to ficando chata eu me isolo ate que passe....hahahaah

    ResponderExcluir
  14. Minha quelida só a vida nos ensina tudo isto , é a vivencia e idade.
    Obrigada pela visita
    Tenho uma ótima 4ª feira!
    Beijos Coloridos!♥♥♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Margareth,
      Vivência e idade ajudam bastante, mas observação ajuda ainda mais.

      Excluir
  15. Adorei Betty! É sempre bom a gente ficar esperta para não se tornar uma chata de galocha! Pensei em algumas pessoas para mandar esse post também! Hahaha!

    ResponderExcluir
  16. Oi Betty!

    eu estou me transformando em uma chata sim, mas em outros itens que não estão na lista.
    Dessa lista aí eu vi várias pessoas...e percebi que devo parar de me importer com as tais "amigas". Elas não devem fazer diferença pra mim.

    Minha chatice mais recente está em me incomodar com tudo que minha amiga faz de errado lá em casa. Ela tem 24 anos e se comporta como uma adolescente patricinha, meiguinha, mimadinha de 15. Ela não é chata, só é desleixada (acho que é a melhor palavra). Ela dorme na minha casa alguns dias por semana pois mora em Salvador e trabalha e estuda aqui em camaçari.

    Ela deixa pacote de biscoito aberto, larga os pratos que usa na pia para eu lavar. Desarruma e não coloca no lugar. Ela abre minha toalha de banho sobre o jogo Americano que está na mesa para passar as camisas dela do trabalho e larga lá.

    Já vi papel de bala no chão do banheiro...ou em qq outro canto da casa...
    Ela enche minha escova de cabelo de creme de pentear...
    Usa meu perfume e o que mais estiver à vista dela..

    Enfim...estou uma chata porque eu vivo reclamando dessas coisas que ela faz, e ela me disse que ninguém nunca brigou com ela por isso....então me calei...pra não ficar mais chata ainda...x.x


    :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara,
      Sua amiga não é chata, ela é invasiva, o que é muito pior!

      Excluir
  17. Betty querida, meio que ri, meio que percebi várias pessoas que conheço em cada item. E ao mesmo tempo que achei graça, tive certeza que nessas chaturices estamos todos em algum momento.

    Quem nunca? Foi como voce mesma colocou, a vigilância sobre nosso comportamento precisa estar eternamente no stand by, porque, num momento ou outro damos uma escorregada.

    Mas os itens 7 e 8, para mim, são os que atingem venenosamente e/ou melindram outros.

    beijos mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula,
      Acho que todos atingem os outros e posso dizer que já fui vítima de todos.

      Excluir
  18. Betty,
    Vou prestar mais atenção. As vezes sou a dona do pedaço mesmo...rsrs... decido mesmo o local onde ir e o que comer...rsrs... Mas é que o povo fica só na indecisão! Alguém tem que tomar a frente! Mas amei as dicas, assim fico vendo e me policiando para não me tornar uma chata!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  19. oi Betty

    Nossa, como tem situações pra afastar os outros do nosso lado. Fiquei preocupada porque falo muito qdo encontro alguma amiga, fico ansiosa, kkk Outro dia uma amiga Blogueira que mora na Italia tava aqui visitando a mãe. Aproveitei pra ligar e depois fiquei pensando que falei mais do que ouvi, rs. Espero não ter sido chata, mas era tanta coisa pra colocar em dia ao vivo que no blog e em email não da pra gente falar.
    Gostei muito das situações, e o recado da gente se colocar no lugar do outro que é a lição.
    Fiquei super feliz que vc tenha curtido a árvore de borboletas.. Apesar da foto não ser boa deu pra passar a sensação de leveza q ela transmite!

    bjus, boa tarde

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      Neste caso está perdoada! Quem não fala demais qdo encontra alguém de quem gosta?

      Excluir
  20. Oi Betty,

    normalmente não sou chata, mas conheço várias pessoas que são e muito. Tenho uma mania que me torna chatíssima, é a de contar as coisas com detalhes, muita gente já me pediu para ser sucinta. Tenho uma amiga que diz: conta logo o final e não enche o saco. Tive uma estagiária no museu onde era curadora (que é minha amiga até hoje) que dizia: fica caladinha para eu gostar de você. As pessoas diziam que ela faltou com o respeito comigo, já eu achei muito engraçado porque ela estava dizendo a verdade.
    Bom deixa eu terminar senão estarei sendo chata com minha mania de falar, falar, falar, escrever,escrever, escrever.

    Bejim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Meire,
      não é nada sucinto. ele alonga até, mas não acho chato.
      Bjs

      Excluir
  21. Olá Betty, boa tarde!
    Ainda bem que eu não tenho nenhum desses sintomas, rsrs.
    Eu conheço um montão de gente chata que só sabe reclamar de tudo, já
    estou até me afastando delas, chatisse pega, kkkkkkkk.

    Bjs, sucessos sempre ♥

    ResponderExcluir
  22. Muitas dessas situações são mais do que chatice, chegam a falha de caráter mesmo. Eu acho chatéeeeerimo e extremamente cansativo aquelas pessoas reclamonas. Todo mundo tem seus problemas, mas nem tudo é sofrimento. Pode ser uma dificuldade mas não precisa fazer drama por tudo. Já trabalhei com uma pessoa que só falava em doenças. O pai era bem idoso, ela se transformou numa escrava dele e detalhava todas as dores e reclamações do pai. A sobrinha tinha síndrome de down, ela relatava todos os problemas da menina. Enfim, acabou numa depressão de difícil tratamento.
    Quando tirei minha carteira de motorista, levei uma vida, então quando fui finalmente aprovada contei para meio mundo. Uma amiga ficou um tanto decepcionada porque eu passei no 5º exame e ela no 6º

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Val,
      Algumas destas situações são flhas de caráter, mas não deixam de ser chatas, não é?

      Excluir
  23. Smart advice (and NOT just for the ladies!)

    ResponderExcluir
  24. Adorei o post, é bom para refletirmos nossas atitudes e ver se realmente não estamos criando algum mostrinho dentro de nós. Sermos honestas e saber nossos defeitos é a melhor forma de tomar uma atitude para mudar (para melhor!).

    Bjs

    http://meuprimeiroapezito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. Betty, juro que li este post imaginando se eu teria alguma dessas coisas, confesso que a ultima se encaixou um pouco porque nao estou passando por uma fase mto boa por estes dias, mas eu procuro sempre estar de bem com a vida...beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlinha,
      Qdo não estamos numa fase boa, reclamar não resolve nada, e pode até piorar, mas é meio instintivo reclamar.

      Excluir
  26. Texto ótimo. Como sempre, você põe o dedo na ferida. Acho que em alguns momentos todas nós tivemos um ou outro deslize. O importante é perceber, se desculpar e mudar de jeito...
    Incluiria aqui aquelas pessoas que sempre sabem tudo de tudo e, aqueles que vivem passando mensagens nas redes super lindas e motivadoras dando uma imagem de si próprios como perfeitos e centrados mas não visitam nem seus pais... acredito que podemos enganar uma pessoa por muito tempo, algumas pessoas por algum tempo, mas não podemos enganar todo mundo o tempo todo.
    Amei a reflexão! Beijo grande!

    Luiza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiza,
      Gente que sabe de tudo, os famosos donos da verdade, são muito chatos, e eu eu me esqueci deles!!!

      Excluir
  27. Aff! Vá ser chata assim, loooonge de mim. Eu bem que tenho uma amiga senhora, meio que parecida e até já me estrilei com ela! Esse texto está excelente, viu? Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria Luiza,
      eu sofro do mal de engolir sapos e não estrilar com ninguém, mas acabo me afastando de gente chata.

      Excluir
  28. Oi Betty!

    Olha, não encontrei minhas amigas nos itens que você descreveu (ainda bem, né?). Já quanto a mim...me vi com um pouquinho de dois ou três itens. Não sou a dona do pedaço, mas sou controladora e ando falhando um pouco no "apoio" às amigas, a uma pelo menos...mas também ela anda meio que reclamando sempre...

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata, Já falhei com algumas pessoas, afinal, ninguém é perfeito.

      Excluir
  29. Olá,Estrela!
    Já passei por etapa de ficar reclamando de tudo. Hoje não fico mais murmurando. Ninguém é obrigado a ouvir a gente reclamando da vida o tempo todo. Temos que ser gratas pelas coisas boas que acontecem na vida, mesmo se o céu está cinza.

    Ótimo dia pra você.
    Big beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo passa por uma fase de reclamar, mas passa, o problema é quando a pessoa faz disto um estilo de vida.

      Excluir
  30. Ei Betty
    Bom, acho que não me enquadro nestas chatices que você enumerou, mas certamente devo ter outras que as pessoas notam e eu ainda não me toquei, mas estou sempre procurando corrigir uma coisinha aqui outra ali.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  31. Oi Betty, quando eu era noiva do meu marido, a gente sempre saía com um grupo de amigos e entre eles eu era a chata da turma porque eu sempre questionava na hora de pagar a conta. Eu não achava justo dividir a conta meio a meio sendo que eu e meu marido não bebíamos e não bebemos nada de álcool enquanto os outros tomavam cerveja a rodo e uns até pediam uísque importado dos mais caros, o problema é que tinha mais amigos no grupo tbm que não concordava com a situação, mas para não se indispor com os outros ficavam bem quietinhos porque sabiam que eu ia falar e eu sempre falava mesmo, rs, só que o título de chata só eu recebi! rs. Parei logo de sair com essa turma, depois descobri que houve um brigão entre eles por causa disso mesmo e teve amizade que até se desfez, um dos amigos do uísque ficou desempregado e não queria mais dividir a conta meio a meio, aí o caldo azedou! Ao final, chegaram a conclusão de que eu não era tão chata assim, rs.
    Bjs Betty, um ótimo dia pra vc! =)

    Vivendo e Aprendendo
    Fotos e Prosas

    ResponderExcluir
  32. Exceleeeeeeeente post! Tá faltabdi "semancol" no mundo e o povo está cada vez mais prestando menos atenção ao outros e ficando mais chatas. Tô bem nessa fase de fugir de gente assim. Beijinho!
    www.dicasdamag.com.br

    ResponderExcluir
  33. De gente assim decidi abolir. Foi uma das resoluções minha desse ano de 2014.
    Me afasto sem pestanejar. Detesto.
    E quando a gente tenta ajudar, parece que a pessoa piora.
    Pessoas infantis, não tolero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani, olá! Se eu puder assinar embaixo de suas colocações, agradeço.
      Infelizmente eu acabei, por conta de me afastar de gente chata, meio chatinha também, mas chega em um determinado momento na vida que esse afastamento precisa ser feito até por questões emocionais e de equilíbrio a mim (senão, eu piro mesmo!). Beijos mais.

      Excluir
  34. Bom dia Betty.
    De inicio quero deixar claro que amei este seu texto, mas tenho que pensar e falar sobre mim.
    Bem se estou me tornando uma chata deve ser um caso de síndrome escondida, pois digo que não sou perfeita não, mesmo por que não existe ninguém perfeita e muito menos eu estaria neste mundo, pois de perfeita não tenho nada.
    Sobre estes fatos qual você relata não me sinto incluída em nenhum deles.
    Mas sobre se chata teriam que falar sobre em que sentido mais abrangente, pois vivo a minha vida e estou sempre na minha e não sou daquelas pessoas que gosta de intrometer-se na vida dos outros.
    E sem falar que muito das vezes tenho vontade de ir deixar um recado para um amigo e não faço por não queira importunar e não me tornar uma chata. E isso seria estar se tornando uma pessoa chata sem saber?
    Eu precisaria que os amigos e pessoas que vivem próximas a mim chegassem e falassem.
    Eu gostei muito deste seu artigo e posso a ter sido presunçosa, mas eu que tenho que falar sobre o que penso e ser chata senão quem poderá dizer o que sou se não eu mesma..
    Agradeço por ter partilhado.
    Desejando uma formidável segunda feira
    Abraços sempre.
    ClaraSol

    ResponderExcluir

Voltar ao topo
© Gosto disto!
Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Elaine Gaspareto
imagem-logo