Roupas que uma parisiense não usaria jamais


.
Caroline de  Maigret
Caroline de Maigret em BeautiMode

Quem me segue pelo Facebook ou pelo Instagram, já viu que estou lendo Como ser uma parisiense em qualquer lugar do mundo. Eu recomendo muito o livro, por ser leve, divertido e mesmo que você não seja uma fashionista de carteirinha e nem morra de paixão pelas parisienses, vai gostar muito de Como ser uma parisiense em qualquer lugar do mundo.
Separei este trecho sobre roupas que uma parisiense não usaria jamais. Veja quais itens você concorda com a listinha e quais você usa e não está nem aí...


* Salto baixo. Por que estar por baixo quando você pode estar por cima?

* Logotipo. Você não é um outdoor.

* Náilon. Poliéster. Viscose. Vinil. Deixam sua pele suada, pegajosa e brilhante. Ou seja, você não só fica fedendo, como isso se vê de longe.
Tenho algumas roupas de fibras artificiais, embora prefira as naturais, mas em viagens as fibras artificiais quebram o maior galho, não amassam muito. É só tirar da mala e usar. Eu evito as fibras artificiais no verão brasileiro, pois daí também é querer sofrer demais!

* Moletom. Nenhum homem deve testemunhar você de moletom. Fora o seu personal trainer. E olhe lá.
Já usei sim! Em 2013 e 2014 era moda, então pequei. Fazer o que?

* Calças jeans muito espalhafatosas, com rasgos ou bordados. Essa é a roupa perfeita - para Bollywood.
Agora magoou... eu amo uma calça rasgadinha.

* Botas fofonas, estilo Ugg. Não rola.

* Blusas que mostram o umbigo. Porque você não tem mais quinze anos.
Neste caso, acho que nem mesmo tendo quinze anos não se deve arriscar uma blusa cropped se não tiver uma barriga lindamente malhada. 

* Bolsa de marca falsificada. É que nem implante de silicone. Não é assim que se supera um complexo.
Eu sempre digo que prefiro uma honesta Santa Lolla (Arezzo, Dumond, Capodarte,etc) do que uma Louis Vuitton fake.
Puxa, mais uma vez souberam como ferir uma pessoa: eu tenho implantes de silicone.

Na verdade, se a parisiense pudesse passar a vida toda usando só um trench coat da Burberrt com nada por baixo, estaria no paraíso.


E aí, com qual deste itens você discorda?


Beijinho da blogueira

Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

51 comentários:

  1. Olá Betty
    Eu tenho uma amiga arquitera Parisiense,já morou no Brasil em Salvador,sempre falo com ela ao telefone,mês que vem vamos nos encontrar cá na Bélgica e em Maio em Paris.Gosto quando vou a Paris de observa-la,a discreção e a simplicidade é tipica das Parisienses.Comigo só acho que saltos baixos e sapatilhas também pode ser elegante e vejo muitas Parisienses na primavera sem saltos. O resto estou de acordo,odeio usar roupas mostrando as marcas,cilios ou tudo que seja artificial ou falsificado n gosto.Calça jeens sempre discreta,nada de fluflus,rs Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patrícia,
      O livro foi escrito por 4 autoras e ele se contradiz, pois páginas à frente, fala maravilhas das sapatilhas.

      Excluir
  2. Olá! Só discordo das sapatilhas, elas também sabem ser elegantes quando necessário. Não dá pra atravessar a Champs-Elysées de salto alto, né? Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, a mesma resposta que dei para a Patrícia, deixo para vc, poiso livro é contraditório.

      Excluir
  3. Ola Betty,

    não concordo que as parisienses usem só salto, vi muitas com sabrinas ou bailarinas (como se costuma chamar).
    Não concordo com o moletom porque hoje em dia já há uns bem sofisticados e que dá bem pra conjugar e ficar bem elegante.
    Os meus pecados de má parisiense são umas boas UGG e umas lindas calças rasgadas!
    beijinho

    Telmíssima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto as Uggs eu tenho um certo preconceito, por ser baixinha fico parecendo um dos anões da Disney.

      Excluir
  4. Concordo com a maioria das coisas, mesmo não gostando muito de regras... esse negócio de sapato alto, por exemplo. Melhor andar elegante numa sapatilha do que "trepada" num salto - muita mulher simplesmente não sabe andar de salto e fica completamente sem postura!!!!

    O livro deve ser interessante...
    Beijos,
    Luciana

    ResponderExcluir
  5. Eu uso várias coisas da lista - acho que não tem nada mais parisiense do que se vestir com o que te faz se sentir bonita e confortável. Ficar seguindo regras é que não é nem um pouco parisiense....

    Tem sorteio rolando no meu blog, de um kit de makes. Se quiser participar e/ou divulgar, está feito o convite! http://oblogdafenixx.blogspot.com.br/2015/01/sorteando-super-kit-de-makes.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ela seguem regras sim! E se preocupam se não estão chiques. Por mais bagunçadas que as parisienses pareçam, é uma desordem proposital.

      Excluir
  6. Betty darling, oi... Amei o post!

    Só não concordo com usar saltos altos ad eternum. Escrevo por ter nascido e morar aqui no Rio, e sapatilha, espadrilles e rasteirinhas são a cara da mulher carioca, que é estilosa e charmosa tanto quanto qualquer parisiense. Aliás, vi muitas, muitas mesmo!, de sapatilha e mocassim, lindas.

    O restante? Não somente assino, como dou fé em todos os itens elencados. Sou absolutamente contra regras ditatoriais em moda, mas as autoras não falam do vestir-se e sim do visual que há quando usadas peças que desvalorizam e desarmonizam qualquer elegância.

    Moleton, botas UGG e e falsificações.... nada a ver.

    Beijos mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou baixinha e gosto de saltos, mas o livro se contradiz quanto aos saltos, pois é escrito a 8 mãos e alguma das autoras parece amar sapatilhas.

      Excluir
  7. Oi!
    Então, eu nunca me vestirei (e nem quero) como uma parisiense primeiro porque gente eu AMO sapatilhaaa...Segundo porque meu namorado por exemplo, prefere me ver de moletom do que toda maquiada. Existem homem que apreciam a beleza "natural". Não gosto quando as pessoas colocam todo mundo no mesmo saco saco? Tipo a frase "Homem nenhum gosta de tal coisa. Ou mulher nenhuma gosta de...". Pois somos indivíduos diferentes né, e cada um tem seus gostos independentes do sexo. Eu por exemplo sou mulher e não gosto nem um pouco de cor-de-rosa. Quem disse que preciso gostar? Né. Mas concordo com a bolsa falsificada. Eu não gosto pq todo mundo sabe que não é uma Louis Vuitton de verdade, então é melhor comprar uma Capodarte, Cantão ou mesmo uma outra bolsa que você goste.

    Beijosss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As regras das parisienses é parecer que não tem regras. Elas são muito interessantes.

      Excluir
  8. Betty mas que maravilha esse livro! Estou rindo aqui com suas respostas para alguns itens!
    Adorei a dica!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi livro é muito divertido. Vale a pena ler.

      Excluir
  9. Já encomendei o meu (estava esgotado!). Estou muito curiosa para ler mas certamente a avaliar por este trecho não faço questão de ser Parisiense!! Ahahhah Concordo na parte das bolsas fake, mas adoro pé no chão e uma data de coisas referidas aqui como "anti"... Cada um com suas regras :)

    Beijos!!

    www.helenabranquinho.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helena,
      O livro parecia estar esgotado por aqui, mas descobri 2 exemplares em uma livraria de um Café. Acho que vc vai gostar do livro. Ele é bastante contraditório.

      Excluir
  10. Não sou fashionista, mas gostei e olha vou acabar comprando esse livro.
    Concordo com todo que postou, odeio moletom, odeio calça rasgada, acho que nunca usei, bota Ugg acho uóooo, umbigo de fora nunca usei, nem quando era nova, e mesmo se fosse nova e magra eu me recusaria a usar.
    Náilon. Poliéster. Viscose. Vinil: Devo ter algo em Poliéster e Viscose, mas não gosto.

    Amei!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rê,
      O livro é tudibom. Embora seja sobre moda, ele faz a gente gostar de ser como é.

      Excluir
  11. Não li o livro, mas gostei da postagem.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  12. Poxa, nunca seria uma parisiense rsrsr Adoro sapatilhas, gosto de coisas falsas , mas concordo que odeio um moletom!rsrs
    Esse livro deve ser babado.

    Bjos, Sheyla.
    http://blogdmulheres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Lasquei-me, uso salto baixo direto! rsrs... Agora logotipo e coisas fakes eu detesto.
    Boa postagem
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  14. Eu quero muito ler este livro....Amei as dicas, algumas já fiz outras não..beijos

    ResponderExcluir
  15. Aaaah, sabe, tudo bem que as parisiense são assim, comportadinhas, com roupas confortáveis e estilo próprio, mas as vezes acho o estilo das parisiense meio monótono, sempre no mesmo padrão. Confesso que prefiro o estilo brasileiro, que tem novas estampas e cores e jeans rasgado (pode sim!), na verdadeo certo é você fazer seu próprio estilo, usar as roupas que se sentir bem, e não copiar os padrões. Beijos, Giovana.
    http://girlsabout.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giovana,
      Elas jamais seriam comportadas ou monótonas, por isso mesmo são as mulheres mais charmosas do mundo. Estive lá duas vezes e as parisienses são tudibom! Elas tem classe, seguranças, são despojadas!

      Excluir
  16. Oi Betty
    Discordo com relação às sapatilhas, salto baixo, adoro. Blusas sintéticas, quem aguenta neste calorão, mas como você disse- em viagens elas são ótimas, quase não amassam.
    Bolsa falsificada, tenho horror, se não tenho coragem de comprar uma Chanel, prefiro uma nacional de boa qualidade e bonitona.
    Não sei o quê são botas estilo Ugg.
    Jeans discretamente rasgados são muito fofos, gosto muito.
    Betty, tem um livro de nome- A Parisience- guia de estilo de Ines de la Fressange, não sei se você conhece, é muito interessante, eu adorei, comprei antes de ir a Paris, ano passado.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cissa,
      Considere-se uma sortuda por não conhecer uma bota Ugg. É um horror!
      Eu li "A Parisiense" e adorei.
      bjs

      Excluir
  17. Oi Betty, só as roupas com marcas/logotipo aparecendo eu não uso mesmo, o resto usaria tranquilamente, rsrsrs beijosss!!!

    ResponderExcluir
  18. Respostas
    1. Betty, se tivesse em um lugar mega frio eu usaria sim, tenho uma amiga que mora na Suíça e ela usa esta botas horríveis , mas super quentinhas, rsrsrs beijosss!!!

      Excluir
  19. Moletons não uso há muito tempo!
    As botas, nem pensar..mas aquela bolsa fake...x.x...fazer o que se gostei das listrinhas coloridas e do tamnho da dita cuja..x.x

    :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara,
      Tenho uma amiga que deu 700 dinheirinhos por uma Chanel fake. É perfeita! Mas eu não teria coragem de dar tudo isto por uma fake!

      Excluir
  20. Amei o Post. Concordei com muita coisa rs... as botas,
    as calças bordadas, a blusa mostrando o umbigo,
    o logotipo... não usaria, mas salto baixo eu uso mesmo,
    amo sapatilhas porque nem sempre tenho pique para o salto alto.
    Parabéns pelo blog.
    bjs

    www.detalhesquevejo.com

    ResponderExcluir
  21. Adorei o post! E até fiquei curiosa para ler o livro! Mais para conhecer personalidades do que ficar por dentro da moda parisiense... não sou tão "fanshionista" mas me agrada aos olhos o que é bonito e harmonioso! Acompanho sua revista no Facebook, sempre de muito bom gosto! Aqui, venho leio, mas quase não comento!
    Parabéns, adoro seu blog porque é bonito, leve e de muito bom gosto! Eu realmente "Gosto Disto" hhahahah

    Beijo Betty
    Salam

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita. Leia o livro, pois ele não é só sobre moda, mas sim sobre estilo de vida. Tem até receitas francesas, fáceis de fazer.
      Fiquei feliz em ver vc aqui.

      Excluir
    2. Betty, vou ler sim! Estou finalizando algumas leituras, mas a próxima vez que for à livraria comprarei o livro! Parece ser muito interessante mesmo!
      Beijocas

      Excluir
  22. Oi Betty!! O livro parece divertido!!! Todos os itens para mim são reais.... Com exceção dos saltos e moletons. Nao gosto dos logotipos... E nem das marcas fake.... Abraços!

    ResponderExcluir
  23. Concordo que boa parte das parisienses não deve usar fibras sintéticas, Betty. Afinal, franceses e banho não combinam. ;) Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Olá Betty, concordo com algumas coisas pelo meu gosto pessoal, mas não vejo nada de mais em moletons, mas tudo na sua hora e amo sapatilhas! Já estive em Paris por algumas semanas e muitas parisienses usam saltos baixos e moletom tbm!! Qto a bolsa fake, um horror!
    Bj e ótimo fds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      O livro é bem contraditório, pois algumas página a frente e incensa as sapatilhas! Pelo jeito esta listinha foi escrita por uma das autoras(são 4 autoras) mais baixinhas.

      Excluir
  25. Olá Betty. Amei o post! Deve ser bem interessante este livro. Olha, discordo do salto baixo .
    Desculpe-me por ter excluído os comentários anteriores, mas a digitação deles ficou péssima, pois estava digitando no celular do maridex e não tenho muita prática.rs... Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isabel,
      Não se preocupe. entendo bem o que vc está falando, pois apanho um bocado qdo digito no tablet e já escrevi coisas bem estranhas por aí.

      Excluir
  26. Oi Betty,

    adoro sapatilhas e moletom no inverno é aconchegante flor!
    Beijão,
    Lu

    ResponderExcluir
  27. magoei...adoro e tenho calças jeans rasgadinhas e bordadas, que bom que não sou parisiense...rs, mas gostei das dicas, a da bolsa fake é 10!

    ResponderExcluir
  28. Oi Betty,

    algumas coisinhas passam, mas a maioria jamais, elas sabem das coisas.

    Bejim.

    ResponderExcluir
  29. Magoei no salto baixo Betty...amo sapatilhas, rasteiras! :(
    Parabéns pelo post amiga, adorei!
    bjus!

    ResponderExcluir
  30. Muito legal o post Betty, eu gosto de usar sapatilhas, mas as botas fofonas e bolsas falsificadas jamais!
    Beijos

    ResponderExcluir
  31. Post otimo. Amo sapatilhas e detesto bolsa falsa. Amo o blog Betty. Bjs e muita luz.

    ResponderExcluir
  32. Eu concordo com a maioria dos itens, também não usaria. Mas discordo do salto alto e calça jeans. Eu não sou do tipo que vive em cima do salto e nem acho que ele cabe a qualquer ocasião. E eu não vivo sem uma boa calça jeans.

    ResponderExcluir

Voltar ao topo
© Gosto disto!
Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Elaine Gaspareto
imagem-logo