Coisas para fazer, para não se arrepender depois (continuação)


.


Eu adoro fazer este tipo de post em que eu ponho todo mundo para trabalhar para mim! É brincadeira... mas tem lá o seu fundo de verdade, pois nestes posts interativos eu só dou o ponta pé inicial e depois é só ficar de olho nos comentários que vão aparecendo. Acho que blog, como qualquer outra rede social, é para interagir, e um post deste traz o que há de melhor nas pessoas, pois cada uma dá a sua contribuição.
Este é o terceiro post sobre coisas para fazer, para não se arrepender depois e ele é todo feito por você e para você.
Vamos ver os comentários do post anterior...


1. Viva o momento
Chica, do blog Coisinhas da Chica

Acredito que nunca podemos deixar de viver intensamente o Hoje. Ele passa logo e não volta! 


2. Não deixe de fazer algo por causa do tempo que vai levar
Rosa Paula, do blog Le Paquet

Gosto de uma frase que diz que para nunca deixar de fazer algo por causa do tempo que aquilo vai levar. O tempo vai passar de toda maneira.

Este comentário da Rosa me fez refletir, pois eu não cozinho nada, um tanto porque não sou bem sucedida na cozinha, o que acaba me valendo mais críticas do que elogios, mas outro tanto é porque eu acho que é perda de tempo. A gente demora um tempão para fazer um prato e come em poucos minutos! Quando a gente faz um artesanato, ele vai estar ali por anos, diferente de quando você faz um bolo. Vou repensar e talvez comece a me arriscar na cozinha.


3. Não deixe de dizer "Eu te amo"
Dra.Cristiane Marino (para mim ela é a Cris, uma queridona), do blog Mulheres em Círculo

Nunca deixe de dizer o quanto ama e de demonstrar no cotidiano o seu sentimento para as pessoas importantes em sua vida.

Isto me faz pensar que existem muitas maneiras de dizer "Eu te amo". Quando eu fazia roupinhas de boneca para minha filha, eu estava dizendo "Eu te amo". Quando minha madrinha fazia o bolo que eu gostava, também estava me dizendo "Eu te amo". E quando venho aqui e começo a montar um post, espero que você, que está lendo isto agora, consiga escutar que estou dizendo "Eu te amo".


 4. Muitas vezes você terá que escolher entre ser feliz ou ter razão
Mais uma da Cris, do blog Mulheres em Círculo

Muitas vezes é melhor ser feliz do que querer ter sempre razão.

Eu demorei para aprender isso! Gostaria de ter aprendido desde pequena. Acho que eu teria sido feliz mais cedo.


5. Não guarde para você o que você tem de melhor
Jossara Bes, do blog Contos e Poemas

Afeto e conhecimento não se guarda! É preciso distribuir! 

De que adianta ter muito conhecimento ou gostar muito das pessoas e não dizer? Tem coisas que só têm valor quando são compartilhadas.


6. Perdoe
Janeisa Tomás, do blog Brasil do Bem

O que eu acrescentaria seria "perdoar". Passei por uma situação dífícil com uma irmã e não foi fácil romper com a mágoa, mas o tempo é um exercício que me fez ver que eu não poderia mudar aquele passado, mas gerar uma prospecção futura e limpar meu coração de uma mágoa que eu não queria mais carregar e aí eu aceitei minha irmã. Nossa relação hoje não é íntima, mas amistosa e isso é que importa.


Com o tempo eu aprendi que quem mais precisa de nosso perdão é aquele que não merece ser perdoado, pois quando a gente perdoa alguém que nos magoou, está se libertando da mágoa que esta pessoa causou. Isto é algo que eu gostaria de ter aprendido desde minha infância, pois minha vida teria sido mais leve desde então. 


7. Experimente antes de dizer que não gosta
Lulu, do blog Lulu on the sky

Experimentar um prato novo, eu mesma não gostava de muitas coisas pois não provava e dizia que não gostava. Hoje eu como, por exemplo, estrogonofre.

A Lulu me fez lembrar que eu não comia beterraba. Dizia que não gostava sem nunca ter provado e hoje adoro. Experimentar antes de dizer que não gosta, serve para tudo na vida, não apenas para comida.


8. Nunca deixe de refazer sua vida por conta de familiares
Ana Maria Braga (não é a da TV, mas alguém bem mais especial), do blog Trelelê da Ana

Sempre vá a procura da sua felicidade. 
Tenho amigas que separaram no casamento, tiveram outras oportunidades e não quiseram casar novamente, por conta de filhos. Hoje os filhos casaram, saíram de casa e elas vivem sós e tristes. 


Eu conheço vários casos como estes que a Ana citou, mas às vezes me pergunto se estas mulheres não usaram os filhos como desculpa para algo que realmente não queriam fazer.
Em todo caso, acho que devemos nos dedicar aos nossos filhos, mas ao ponto de transformar esta dedicação em sacrifício, não! Acredito que nenhum filho quer ser o responsável pela solidão e infelicidade de sua mãe, então trate de viver a sua vida, tenha um filho ou dez.


9. Não perca a chance de dar aquele beijão num gato
Meire Pacheco, do blog Happy Flying

Me arrependi amargamente de nâo ter dado aquele beijo num gato pelo qual estava apaixonada, ele era tímido e eu não ia dar uma de assanhada. Por isso nunca perca a oportunidade de dar aquele beijão, tipo amasso, no gato.

Eu perdi algumas oportunidades como esta, mas a tímida era eu (sou até hoje e me odeio por isto).



Espero que você tenha gostado da nova lista de coisas para fazer, para não se arrepender depois. Como você está me acostumando mal, então quero saber se você tem mais dicas de coisas para fazer, para não se arrepender depois, assim vai ficar bem fácil para mim fazer um novo post... Estou virando uma blogueira preguiçosa!


Veja também:


Beijinho da blogueira


Imagem Clever Spaces
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

21 comentários:

  1. oi Betty,

    acredito que jamais devemos nos esquecer de agradecer,
    todos os dias logo cedo é a primeira coisa que faço,
    quem é grato é muito mais feliz!!!
    gratidão se aprende...

    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rô,
      às vezes me esqueço, mas logo corrijo. preciso fazer disto um hábito.

      Excluir
  2. Muito bom ler e ver coisas simples que podem deixar nossas vidas muito melhor! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Betty dear, oi... O post verdade absoluta. Acho tão bacaninha quando a gente percebe que falhas temos todos e que, por via de regra hehehehehe, só muda mesmo é o endereço, porque a vida desenha tudo igual a todos.

    E o sexto item é em por aí, escreveram muitíssimo bem a Jossara e a Betty. O perdão é mais libertário a quem o dá, e isso faz um bem danadinho à vida Também já fui severamente agredida (verbalmente) por minha irmã mais velha e percebi, depois que a perdoei pela conduta, como é gratificante perdoar e abonar o erro alheio.

    Beijos mais

    ResponderExcluir
  4. oi Betty

    Dicas valiosas, e que precisamos lembrar sempre.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Delícia de post, Betty! Coisas pra anotar pra vida mesmo :)
    Beijos,

    Luciana

    ResponderExcluir
  6. Bom diaaaaa.....eu sempre falo eu te amo para as pessoas que eu quero!! :)

    ResponderExcluir
  7. Bom diaaa, nada melhor que vir aqui te visitar e me deparar com tantas coisas boas para eu aprender...AMei...beijos

    ResponderExcluir
  8. Super legal Betty, realmente a gente acaba interagindo...li também as do post anterior, super dez! com certeza a gente sai daqui mais enriquecida! bjs

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito desse tipo de post Betty, todos participam... muito lega!
    bjus!

    ResponderExcluir
  10. Adorei este "feedback" dos comentários e. cada um dos ensinamentos, me fizeram parar pensar. É bom quando um blog nos dá a informação, mas também nos faz refletir e interagir. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi Betty! Maravilha de post, cada item deveria se transformar num mantra para ser repetido todos os dias para não esquecermos de que a felicidade está nas pequenas coisas como dizer eu temo, sorrir, dar um bom dia, dizer obrigado, por favor... e acima de tudo agradecer a Deus pelo dom da vida!
    Nunca deixe para amanhã o que se pode fazer hoje, amanhã pode ser tarde!
    Grande beijo! =)

    Vivendo e Aprendendo
    Fotos e Prosas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigindo: a felicidade está nas pequenas coisas como dizer "eu te amo"... rsrsrs
      "Eu temo" não traz felicidade pra ninguém! hehehe
      O temor faz com que a gente deixe de fazer muita coisa, aí sim é motivo de arrependimento!
      Bjs =)

      Excluir
  12. Oi Betty, você também é muito querida, viu?
    Adorei as dicas e passo depois para comentar com mais calma, pois hoje estou numa loucura com os preparativos do Círculo que começa amanhã!
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Gostei muito do post! boas lições,
    é muito legal essa interação,
    Ideia bacana!
    bjs

    www.detalhesquevejo.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Betty... mais umas dicas/conselhos mega legais, a gente já sabe de quase todos é preciso colocar em prática, rsrsrs beijosss!!!

    ResponderExcluir
  15. Oi Betty,

    gostei das dicas das meninas e das suas tambem. Nunca deixe de dar uma opiniao por, a principio, a achar boba. O onibus de 2 andares de Londres existe porque alguem nao teve medo de dar a ideia.

    Bejim.

    ResponderExcluir
  16. Oi, querida! Obrigada pelo carinho! Eu também cozinho pouco mas agora que estou morando fora tenho me virado um pouquinho mais e até estou gostando. Também pensava um pouco como você: perder um tempão, sujar um tanto de coisas e comer em poucos minutos! Mas aos poucos estou descobrindo prazer em cozinhar.
    Bom fim de semana!
    Rosa
    Le Paquet

    ResponderExcluir
  17. Adorei essas dicas. Especialmente a parte de dar aquele beijo num gato. Nada melhor, né?

    ResponderExcluir

Voltar ao topo
© Gosto disto!
Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Elaine Gaspareto
imagem-logo