Cashmere verdadeiro, o que é, e como comprar



Pashmina de cashmere


Muita gente vai para a Argentina e volta com um cardigã, toda contentinha achando que comprou um cardigã de cashmere. Sei bem como é isto porque eu já fiz esta besteira. O que a gente compra como cashmere na Argentina não é cashmere, é uma mistura que leva até um pouco de lã cashmere da pior qualidade. Ele parece macio, mas com o tempo vai ficando duro. E como coça!!! O meu coçava e soltava pêlos. Daí foi um tal de colocar no freezer para ver se resolvia, e nada. Cada amiga tinha um conselho para dar, mas a verdade é que nunca consegui usar o tal cashmere argentino.




O que é o cashmere verdadeiro

Depois deste sofrimento aprendi que cashmere verdadeiro vem do Himalaia. O cashmere verdadeiro é feito com o subpêlo de um tipo cabra que vive no Himalaia, no Nepal, e não compromete em nada a bichinha. Se comprometesse, eu não estaria fazendo este post, pois sou vegetariana. Este subpêlo é retirado penteando o animal.
Cada cabra produz 200 gramas deste material por ano. Para um suéter feminino se usa a produção de três cabras. Nem preciso dizer que este processo é caro.

A diferença entre o cashmere verdadeiro e o falso

A diferença entre o cashmere verdadeiro e o falso é que o verdadeiro é macio sempre, e com lavagens e uso fica cada vez mais macio. Ele é antialérgico e pode ser usado por bebês.
Ele não é uma peça de modinha, é uma roupa para você ter para toda a vida e, sabendo cuidar, você vai passá-la para sua filha e até mesmo para a sua neta.
Cashmere verdadeiro é como uma bolsa Chanel, é um investimento.
Separei algumas peças da Holi Cashmere Forever, para você sonhar um pouquinho. As peças são clássicas...


Pashmina de cashmere


Aqui cabe um explicação... O que nós chamamos de pashminas, na verdade não são. Para ser uma pashmina precisa ser de cashmere verdadeiro. A princesa Diana usava muito pashminas e é uma peça que envolve certa nobreza. Se você quiser saber um pouco mais sobre as pashminas, veja aqui.
Estas peças postadas aqui, são big cachecóis e, usando o termo que se generalizou, seriam chamados de pashminas.


Pashmina de cashmere


Cardigã de cashmere


Suéter de cashmere


A Holi Cashmere Forever está com desconto e também divide as peças.  Antes de conhecer a Holi CashmereForever, eu não sabia que existia uma loja especializada em cashmere no Brasil. Se você tem um cashmere, use muito, aproveite muito, se não tem trate de investir numa peça de cashmere para este inverno e para toda vida. Mas se já tem, sempre é bom mais de uma, afinal cashmere nunca é demais.
Eu estou querendo uma pashmina, ou um big cachecol, que é a peça mais versátil que conheço. Pashmina vai bem com um vestido de noite, com um casaco de couro e serve como manta em um vôo internacional. Uma pashmina de cashmere vai ser o meu coringão.


Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

38 comentários:

  1. Olá!
    Bom dia!
    Eu mesma não sabia a diferença!
    Ótimo esse post!!!!! E que lindos!!! Cores lindas heim?
    Linda semana!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  2. Classy piece!

    http://beautyfollower.blogspot.gr

    ResponderExcluir
  3. Uau muito bom saber realmente qual a diferença.
    Eu nunca iria saber distinguir, a não ser pelo preço, haha

    BeijO :*
    Blog Luanna Ravanelli / Fanpage / Instagram

    ResponderExcluir
  4. Oi Betty excelente post. Super didático e gostei de aprender sobre os cashmeres, vou entrar com calma no site da Holi quando voltar para POA . Estou em SP está semana. Comprei 2 cahmeres na Bloomingdales em 2013 quando passei o Natal e Ano Novo em NY e me garantiram que era cashmere. Estes de Buenos Aires nunca comprei. Bj

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho dois suéters, um azul e um pérola, que comprei quando morava nos EUA. Como lá o inverno é bem mais rigoroso, é relativamente fácil de achar (embora seja bem caro).

    Blog da Fênix

    ResponderExcluir
  6. Que interessante Betty, não sabia a diferença, agora ficou bem mais claro pra mim.
    Boa Semana
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Betty, eu já tinha lido sobre esta diferença... eu não tenho nada de cashmere original... preciso investir em uma peça, rsrsrs adorei este de onça da modelo... beijosss!!!

    ResponderExcluir
  8. Que lindo, Betty! Não sabia dessas informações... acabei de ficar querendo um cashmere de verdade..
    Beijos,

    Luciana

    ResponderExcluir
  9. Oi Betty!
    Você acaba de me instruir sobre o tema...não fazia a menor ideia a respeito do cashmere. Quando for à Argentina pelo menos já estarei bem informada sobre o produto.

    :**

    ResponderExcluir
  10. Betty, muito esclarecedor este post. Certamente depois do post saber comprar um cashmere verdadeiro. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde posso comprar esse cardigan de cachemira?

      Excluir
    2. Oi Vera,
      O link da loja se encontra no início do post em destaque na cor rosa. Basta clicar para chegar lá.
      Bjs

      Excluir
  11. Oi Bety,
    Adorei as informações - não sabia mesmo das diferenças.
    Vou ficar mais atenta na hora de comprar.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Acho lindo, infelizmente tantos produtos falsificados que acabam comprometendo nossa saúde.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  13. Tenho muitos e amo! É prático, esquenta, elegante.. tudo de bom <3
    Amei o post! Um beijo

    http://dicasparatodas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Sempre aprendendo. Como somos enganados!! Comprei uma echarpe em Florenza como se fosse cashmere, mas com certeza não é
    Boa semana, Betty. Bjs

    ResponderExcluir
  15. Oi Betty, eu tenho duas blusas de cashmere e adoro, já as tenho há bastante tempo, mas elas continuam macias e fofinhas, então deve ser o verdadeiro.
    Mas valeu a dica, eu mesma não conhecia essa diferença.
    Bjs
    P.S. Fico muito feliz por saber que gostou do poema

    ResponderExcluir
  16. Olá Betty, boa tarde!
    Vivendo e aprendendo, adorei as informações, valeu!

    Bjs e ótima semana! ♥

    ResponderExcluir
  17. Oi, Betty! Acabei de descobrir que meu "poncho" vermelho é uma pashmina. Agora estou mais conformada com o quanto custou. Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Oi Betty!!! Adorei saber sobre essa loja por aqui!
    Ótima dica como sempre.

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Adorei a explicação! As peças de cashmere são mesmo must have. Sou louca para ter algo bem versátil neste material e adorei a dica da loja especializada. Eu não fazia ideia de que tinha algo assim no Brasil. Bjs!

    ResponderExcluir
  20. Você arrasa das pesquisas e postagens específicas, adorei!

    ResponderExcluir
  21. BOA TARDE, COLEGA BETTY!
    QUE POSTAGEM SUPIMPA. ADOREI CONHECER A ORIGEM DO TECIDO. :) TECIDOS FEITOS COM PÊLOS, COÇAM MESMO... TENHO UMA BLUSA DESSAS LÃS QUE PINICAM. FOI CUSTOSO MAS ADAPTEI TECIDO INTERNAMENTE PRA LÃ NÃO PEGAR DIRETO SOBRE A PELE DAÍ, MELHOROU. :)
    EI, MENINA!
    VENHA ESPIAR EM "GAM DOLLS (2) O QUE ACABEI DE POSTAR! ENCANTE-SE COM MINHAS PINTURAS ARTESANAIS: ESTÃO BACANAS DEMAIS!
    FICAREI FELIZ COM TUA VISITINHA E COMENTÁRIO, SEMPRE TÃO SIMPÁTICOS.
    TENHA UMA ÓTIMA TARDE.
    ABRAÇÃO PRA VOCÊ! :)

    ResponderExcluir
  22. Dá gosto vir no Gosto Disso, verdadeira aula! E eu sempre achei que na Argentina os cashmere eram legítimos. Amei saber! Beijos, Betty, feliz semana!

    ResponderExcluir
  23. Nossa eu juro que aprendi algo hoje aqui nesse blog! Não sabia mesmo a diferença!
    Acho que o que tenho aqui não é verdadeiro não hahahaha

    Beijos.

    ResponderExcluir
  24. Oi Betty,

    que bacana, ja tive um argentine, e ele tambem ficou duro, adoraria ter um verdadeiro, mesmo com o risco de quase nao poder usa-lo por causa do calor que faz por aqui.

    Bejim.

    ResponderExcluir
  25. Oi Betty,
    Adorei as suas dicas, ainda não tive a oportunidade de ir até a Argentina.
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  26. Ei Betty
    Vivendo aprendendo, talvez o cashmere que comprei em Paris para minha mãe, não seja o legítimo, mas sei que ele é bem macio e ela adora.
    Beijo

    ResponderExcluir
  27. Betty é sempre vir aqui e aprender com você.
    Suas dicas são valiosíssimas
    E que peças lindas, cores vibrantes do jeitinho que eu gosto
    Beijos e uma boa semana

    ResponderExcluir
  28. E outra coisa é olhar a etiqueta. Uma vez vi uma blusa de cashmere na G. Laffaye**e com um preço ótimo. Super macia, uma delicia. Olhei a etiqueta: 15% cashmere!

    ResponderExcluir
  29. Queria saber se em Roma existe alguma loja que cenda Cashmere verdadeiro! Queria muito adquirir umas peças!😔

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou ficar devendo esta resposta, pois não conheço tanto as lojas romanas assim. Espero que vc encontre .
      Bjs

      Excluir
  30. Certinha sua descrição para o cashmere. Eu ganhei um do meu pai aos 20 anos, hj tenho 54 anos e a blusa está perfeita.

    ResponderExcluir
  31. o cashmere encolhe quandom lavamos? Obrigada pelas dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for o verdadeiro na encolhe. Se encolher é pq não era verdadeiro.

      Excluir

Voltar ao topo
© Gosto disto!
Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Elaine Gaspareto
imagem-logo