Alguém para segurar sua mão


Alguém para segurar sua mão


Se você me perguntasse o que de melhor eu poderia desejar para alguém, como para minha filha, por exemplo, eu desejaria alguém para segurar sua mão. Família, dinheiro, carreira, amigos, tudo é importante, mas o mais importante de tudo na vida é que você tenha alguém para segurar sua mão.

Passei por momentos na vida em que essa mão me faltou. Engravidei nova e quando minha filha nasceu o relacionamento já tinha acabado. O pai de minha filha estava no hospital quando ela nasceu, mas estava por ela, o parto eu passei sozinha e não tive ninguém para segurar minha mão. Quando ela nasceu, a primeira coisa que fiz foi segurar a mãozinha dela, para que ela soubesse que tinha alguém ali para dar força por toda uma vida.

Eu valorizo muito este alguém que segura ou segurou minha mão nos tempos alegres e nos tempos difíceis.


Alguém para segurar sua mão


Quando eu tive câncer e passei por uma cirurgia longa, assim que acordei, alguém estava comigo segurando minha mão, e este alguém era meu marido. Aquela mão foi de um conforto imenso.

Foi ele também que segurou minha mão durante as sessões de quimioterapia e a força daquela mão sempre me apaziguou o espírito.

No meio deste ano passei por um susto, pois apareceu uma massa no meu externo e eu corri para o meu oncologista. Nesse corre daqui, corre dali, lá fui eu para o Google ver o que poderia ser e descobri que poderia ser metástase do câncer de mama (não era) e também tomei conhecimento que era um câncer agressivo do qual poucas pessoas sobreviviam por mais de 5 anos. Nossa! Comecei a fazer planos do que eu tinha que fazer nestes 5 anos para zerar minha vida.

Eu não disse para o meu marido que eu estava virada no avesso, mas ele percebeu e me estendeu a mão, deixando claro que, fosse o que fosse, nós estávamos juntos nessa empreitada também.

Quando a notícia boa veio e não era nada grave, meu marido estava lá segurando minha mão.

Se estou aqui hoje devo muito a esta mão que me segura à tona nas horas boas e nas ruins, e meu maior medo na vida é que ele parta antes de mim, pois eu não sou nada sem a mão dele que me amparar. Acho que eu morreria com ele.



Então eu desejo que você tenha alguém para segurar a sua mão, no meu caso este alguém é meu marido, mas você não precisa ser casada para ter este alguém, pode ser uma irmã, uma filha ou filho, uma amiga ou amigo, um parente, pouco importa. O que importa é que você saiba que tem este alguém e que você também possa dar a mão a quem precisar de você.


Beijinho da blogueira

Fotos Pexels, sendo que a autoria da segunda é de Josh Willink
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

37 comentários:

  1. Que a vida permita que não volta a passar por momentos tão difíceis...


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida é vida de momentos. Alguns são difíceis, mas mesmo os difíceis, eu não os descartaria de minha vida. Já passaram...

      Excluir
  2. Betty, leio seu blog todos os dias, sempre! Quase nunca comento, mas adoro. Mas hoje você brilhou!!! Eu me emocionei, então tinha que comentar. Eu também tenho uma mão para segurar a minha, e também é do meu marido, e sou muito feliz por isso. Te desejo toda felicidade do mundo! Beijos! Geane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Geane,
      Obrigada pelo seu comentário! Fico tão feliz quando alguém que lê quietinha comenta pela primeira vez. Eu passei anos como leitora de blogs, até que um dia resolvi ter um para chamar de nosso, pois como sempre digo, o blog não é meu, é meu e de quem lê.
      Bjs

      Excluir
  3. OI Betty,
    Que texto lindo....
    Que declaração de amor pelo maridão!
    Eu também tenho essa sorte, meu marido está sempre por perto para segurar minha mão, e ultimamente tenho precisado bastante.
    Ótima semana
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      Estou sabendo que vc tem passado por uma fase hard,mas estas fases passam, vc vai ver! Estou aqui deste lado da tela torcendo muito por vc. Amo vc, amo o seu blog e tenho certeza que a sua luz vai afastar estas sombras.
      Bjs

      Excluir
  4. Oi, Betty! Que emocionante e surpreendente seu depoimento para mim. Explico: quase sempre os homens da minha vida se desestruturaram diante de uma situação difícil, foram fracos ou covardes, não sei direito. A verdade é que nunca pude contar realmente com eles. Por isso, fiquei surpresa com deu depoimento, porque, pra mim, os homens são como foram os meus. Sorte sua! Queria ter um marido desses. Talvez ainda consiga, quem sabe? Quem eu pude contar sempre foram meus pais. Uma vez, numa situação bem difícil foi minha mãe, outra ocasião, meu pai. Atualmente, passo por outra situação delicada e lá estão eles, acenando pra mim e dizendo: estamos aqui. Mas eles estão idosos e a velhice traz certa fragilidade. Então, é aquela mão frágil, que precisa de cuidado também. Muitas pessoas me dizem que eu percebo a fragilidade do outro porque sou muito forte e corajosa. Recentemente, uma colega de trabalho me disse: sempre admirei sua capacidade de resolver as coisas, de decidir, de ser bem resolvida. Fiquei surpresa com aquilo. Parecia que ela falava de outra pessoa. Fico muito feliz de saber que você tem uma mão sempre pronta a te apoiar. Isso realmente é confortante, alivia a angústia, o medo. Beijos carinhosos, Denise

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise,
      Confesso que não acertei no primeiro homem de minha vida e a maioria era tralha mesmo. Fui corajosa para tentar até encontrar a pessoa certa para mim e muita gente criticou a minha escolha, pois ele é bem mais velho do que eu. Não foi sorte encontrá-lo, foi maturidade, pois em outra época talvez eu não o tivesse visto como realmente ele é.
      Eu tb vejo em vc uma pessoa forte. Vc me passa esta imagem. Só não sabia que vc não sabia a imagem que passa para as pessoas (a frase ficou esquisita, mas é verdadeira).
      Bjs

      Excluir
    2. Eu acho que essa força a que vocês se referem já tão natural do meu temperamento que não percebo. Dizem que os capricornianos tem o coração de pedra. hahaha

      Excluir
  5. Eu tb acho que ter alguém do lado é a maior das riquezas.
    Espero encontrar alguém que queira caminhar ao meu lado...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  6. Oi Betty,
    Que post lindo! Eu sou a mão de minha mãe, sempre que ela precisou ou precisa estou lá, e quem segura a minha mão também é meu marido que não consigo me imaginar sem ele.
    Bjs❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb fui a mão de minha mãe e quando ela se foi, ficou um vazio imenso.

      Excluir
  7. Parabéns pelo post Betty, é exatamente isso que precisamos, uma mão amiga quando não sabemos para onde nos guiar. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Super me emocionei com esse post, uma mão mesmo segurando qualquer barra é tudo que precisamos. Nada melhor que isso. Não tem como vivermos sem uma mão dessa!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  9. Não é fácil encontrar pessoas dispostas e enfrentar os perrengues da vida pra estar ao seu lado quando mais precisa!
    De fato as pessoas que seguram nossa mão são preciosas.
    Lindo texto!
    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Bette eu te ntendo com tu medo de que sua mão forte se va antes de vc!!!
    Meu marido, meu menino é assim. e tambem tenho medo de perder essa mão forte rezo pra não perde lo. agora vou rezar por vc tambem rsrsrsr um beijo da Eliane.

    ResponderExcluir
  11. Lindo Betty e que bom que hoje você tem quem segura na sua mão e não é só seu marido, temos Deus que segura as nossas mãos sempre e nós as dele. Um grande beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, acredito em Deus, mas sinto falta de contato físico em determinadas horas.

      Excluir
  12. Que lindo Betty. Apoio e amor são sempre muito importantes, sem dúvida. <3

    ResponderExcluir
  13. Poxa, amiga, que lindo. Ter alguém pra segurar nossa mão é importante mesmo. Nem precisa ser marido, como vc disse. Aliás, nem sempre os maridos cumprem esse papel.
    Bjk e tudo de bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Meri,
      A maioria falha mesmo. O número de divórcios após uma mastectomia é altíssimo.
      Bjs

      Excluir
    2. Tem um livro do dr. Drauzio Varella que me impressionou muito em que ele fala que a maioria esmagadora dos homens não vão visitar as esposas no hospital, enquanto as esposas nunca deixam de cuidar de seus maridos mesmo se eles estiverem morrendo.

      Excluir
    3. Não li este livro, mas acredito que seja verdade, pois são poucas mulheres mastectomizadas que continuam casadas, eu sou qse uma exceção.

      Excluir
  14. Oi Betty,
    Eu tenho duas amigas para segurar minha mão (uma delas mora longe daqui, mas nos amparamos pela internet) e espero encontrar um homem que eu possa dividir a minha vida segurando nas mãos em todos os momentos.

    Big Beijos
    Lulu on the Sky
    Conheça meu canal YT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tb tenho duas amigas que se fazem muito presentes e uma delas mora longe.

      Excluir
  15. Oi Betty
    Você escreve muito bem, sabe ser divertida em determinados momentos, mas também nos emociona e nos leva às lágrimas com suas palavras fortes e determinadas. Acho você uma pessoa muito bem resolvida.
    Por coincidência, meu marido também é o que segura minha mão nos perrengues, tenho quatro irmãos,mãe, filhas, mas quem segura a barra pesada é somente ele.
    Beijo, querida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre uma pessoa é mais presente. Minha família é pequena e, no meu caso, quem preencheu todas as lacunas, foi meu marido.

      Excluir
  16. Olá Betty,
    Nossa, esta foi uma das mais belas declarações de amor que eu já li!
    Com a certeza de que esta mão está sempre ali, a segurar a tua mão, qualquer dificuldade fica mais fácil de enfrentar.
    Beijinhos,
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      Eu não tinha mostrado o post para o meu marido, pois ele às vezes reclama que eu me exponho demais, mas resolvi mostrar. Ele ficou emocionado e chorou muito! Eu não esperava esta reação dele.
      Ele é um fofo!
      Bjs

      Excluir
    2. Eu me emocionei, imagino ele!
      Beijinhos

      Excluir
  17. Que lindo, Betty!! Muito importante ter alguém para segurar a mão da gente! Mensagem emocionante! Obrigada!!

    ResponderExcluir
  18. Sim! Tenhos muitas mãos, meu marido, filhos, irmã, pessoas muito, muito,queridas que além das mãos emprestam seus ombros literalmente! Tive sempre as mãos da minha mãe que ja partiu. Tenho mãos bem firmes que me ajudam passar por tudo!
    Espero que nunca lhe falte uma mão! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha família é muito pequena, mas nunca me senti só, pois a pessoa certa sempre se fez presente.

      Excluir
  19. Oi Betty... que benção é por ter esta mão que nos ampara... meu marido também é meu mega companheiro, em tudo!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  20. que belo texto Betty
    eu também tenho uma mão firme e forte, que me segura sempre,as vezes critico ele, porque è um homem de poucas palavras, como eu sou uma que ama falar, queria que ele fosse assim também, mas è uma pessoa muito concreta,
    e segura a minha mão a vinte anos.
    e que sei que sempre estará do meu lado nos momentos difíceis.
    parabéns ao seu marido, esse HOMEM maravilhoso que vc teve a sorte de encontrar.

    ResponderExcluir
  21. Betty querida,
    Nos momentos mais difíceis da vida da gente se não tiver alguém pra nos
    ajudar e segurar a nossa mão, é difícil seguir em frente sozinho.
    Mas Deus sempre coloca anjos em nossas vidas.
    Eu tenho o meu marido, o meu tudo que sempre caminhou comigo em todas as situações,
    somos vencedores, sempre de mãos dadas.
    Linda e emocionante a sua postagem!

    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir

Voltar ao topo
© Gosto disto!
Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Elaine Gaspareto
imagem-logo