Cuidado com o marketing gostei e não gostei das blogueiras

4 de abril de 2018 32 comentários

Cuidado com o marketing gostei e não gostei das blogueiras



Confesso que sou influenciada por marketing feito por blogueiras sobre produtos de beleza e cuidados pessoais, principalmente, e, se algumas vezes a indicação de blogueiras foi certeira, em outras me senti entrando na maior roubada, pois o produto ou produtos eram muito ruins.

Só para você ter uma ideia, eu sigo o blog Dia de Beauté, da Vic Ceridono, e ela insistia muito que o melhor curvador de cílios era o Shue Uemura (custa quase R$ 200,00 no Mercado Livre). Enquanto não tive um não sosseguei. É o melhor curvex? Não é. Meu melhor curvex custou menos de R$ 10,00 e é um ching ling. Considero o Dia de Beauté um blog relativamente honesto, mas o entusiasmo da Vic com alguns produtos me levou a algumas compras furadas das quais não me perdoo até hoje. 

Hoje eu sigo mais um post sobre não gostei do que um sobre gostei, e percebi isto depois que li o post da Lu sobre este tipo de marketing, no blog Produtinhos no Cabelo

Hoje, dificilmente eu acredito num post que fala sobre um produto que a blogueira amou, com raras exceções. O que acontece é que empresas menores, de produtinhos mais baratos, enviam produtos e mais produtos para determinadas blogueiras que trocam posts, ou seja, sua opinião pessoal, por shampoos, cremes, maquiagens, pacotinhos de algodão e outras tralhas. Essas blogueiras sabem que, se falarem mal do produto, não iram receber mais as tralhas que estão acostumadas a ganhar. Elas acham que ganham e as empresas sabem que estão ludibriando uma criatura inocente. Eu comparo esse tipo de blogueira àquele índio do tempo de Cabral que abria mão de suas terras por um caco de espelho, pois tudo o que uma blogueira tem para vender é seu espaço no blog e ela dá em troca de um shampoo feito de soda cáustica!


Cuidado com o marketing gostei e não gostei das blogueiras


Eu sempre aviso às empresas que não trabalho por escambo, mas mesmo assim, algumas descobrem meu endereço em mandam produtos na esperança que eu faça uma resenha: eu não faço. Teve uma empresa, que fabrica shampoo seco, que me enviou, sem que eu pedisse, uns 40 frascos do tal shampoo, pedindo que eu falasse a respeito no blog. Ainda bem que eu não sigo essa linha de trabalho, pois experimentei o tal shampoo e odiei! Fiquei quieta. Mas vi vários blogs caindo no canto de sereia do tal shampoo seco, e até blogs maiores do que o meu.

Eu tenho visto blogueiras mostrando cabelos que parecem que foram mastigados por uma cabra, dizendo que usou a máscara X e que o cabelo ficou uma maravilha. G’zuis! Se meu cabelo ficasse igual ao dela eu processaria a empresa, juro que sim!

Tal tipo de marketing porco continua sendo feito pelas empresas, o que indica que deve dar resultado, mas acredito que dia após dia as blogueiras que trocam seus serviços por produtos estão comprometendo toda uma classe de blogueiras que trabalham certo e não vende a ideia de que todo e qualquer produto é bom.

Sigo alguns blogues de beleza e aceito a opinião de determinadas blogueiras sobre produtos, mas só aceito opinião daquelas que têm a liberdade de discordar de um produto ou empresa, que fazem posts sobre gostei e não gostei alternadamente. Fica a dica, entrou num blog e gostou da resenha de uma produto, então verifique os demais posts deste blog, se todos falarem bem de produtos, então fuja deste blog e até mesmo do produto que gostou, pois a chance de ser um post mentiroso é muito alta.



Fotos: Beauty Hacks e @sincerelyjules
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

32 comentários :

  1. Sempre assisto a vídeos no You Tube sobre produtos de beleza e geralmente, curto os GOSTEI/NÃO GOSTEI. Não dá para confiar em tudo o que se mostra por aí. Não quero ser cobaia!
    Amei o post, Betty. Muito bom alertar as pessoas sobre esse tipo de postagem.
    Bjs e um iluminado dia para você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isabel,
      Os vídeos no youtubesão piores ainda! Eu não entendocomo o youtube está crescendo tanto: vídeos mal gravados, com blogueiras que gritam, tratam o público no plural, abrem os braços além da tela, enfim... é muito lixo para pouca coisa boa.
      Beijos

      Excluir
  2. Bom dia, Betty!! Por isso que o Brasil está essa pouca vergonha! O povo troca o voto por dentadura, saco de cimento... assim são essas blogueiras que fazem de um tudo para ganhar produtinhos!! Eu já recebi vários produtos de empresas que odiei e nunca divulguei no blog, jamais diria que o produto é top sendo uma porcaria, acho isso uma falta de respeito com os leitores e consigo mesmo!! Parabéns pelo post! Bjs!! ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi si,
      Eu não tinha parado para pensar no blogs de culinária, e nesses produtos ruins podem causar um estrago maior ainda. Imagino o que seja fazer uma receita com todo o carinho e ver ela desandar por causa de um produto ruim.
      Beijos

      Excluir
  3. Ótimo post Betty, ficamos vulneráveis a este mundo bloguista e muitas vezes acabamos envolvidos pelo GOSTEI/NÃO GOSTEI. Eu mesma já fiz propaganda de produto que gostei, mas sem nenhum fim comercial, fiz porque realmente amei o produto (até tenho um post pronto sobre um que estou usando).
    Acho legal compartilhar nossas experiências com novos produtos, os quais usamos e ficamos satisfeitas, agora fazer firula de produtos apenas pelo motivo comercial não é aceitável. Muitas vezes ao ler o post já é possível perceber que o dono do blog tem parceria com a empresa/indústria e isso nos chateia quando fica claro que o produto não tem qualidade, mas nos é "oferecido" como se tivesse qualidade incontestável.
    Bom sempre é procurar se informar sobre o produto em outros canais, não é mesmo?
    Bj e ótima quarta-feira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fico de olho se tem posts em que a blogueira critica outros produtos, se tem, então a opinião do GOSTEI pode ser verdadeira.
      Eu faço merchamde alguns produtos que gosto, mas quando não gosto, prefiro abrir mão do post e do $, para não comprometer o blog.
      Beijos

      Excluir
  4. Já comprei muta coisa indicada por blogfueiras e não gostei. demorei muito p ter o senso de perceber que se elas são pagas não serão sinceras e que mesmo sendo sinceras, as vezes algo que funciona p elas não tem o mesmo efeito em mim. Fico bem atenta p não jogar meu suado dinheirinho fora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, tem mais isso, se funciona para mim, pode não funcionar para vc. Eu mesmo caí em erros comprando produtos recomendados pela Vic Ceridono. Vejo a Vic como uma blogueira honesta, mas muito entusiasmada com determinados produtos que não tudo aquilo que ela passa para o seu público.
      Beijos

      Excluir
  5. Eu fico assustada Betty,com tanta pulblicidade nos blogues. Estamos tão vulneráveis!Otimo post.Uma continuação de boa semana,beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um blog funciona como uma revista e depende de publicidade para sobreviver, o que não dá é para confundir testemunhopessoal com marketing.

      Excluir
  6. Confesso que já me decepcionei com muitas blogueiras. Certo que em relação a produtos, cada caso é um caso, mas mentir por dinheiro é golpe baixo. Por isso criei meu blog, divulgo produtos baratos e acessíveis e faço resenhas sobre eles sem ganhar nada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou lá dar uma olhada no seu blog, tem tudo para eu me apaixonar.

      Excluir
  7. Concordo com você amiga, o povo recebe e precisa resenhar e nem sempre a verdade é dita.
    Nem todo shampoo para loira ficará bom no nosso cabelo. Mentir é deixar de ter credibilidade mesmo que ninguém saiba você sabe que não foi sincera.
    Você acaba ficando (engessada) diante dessas situações.
    Post bom para reflexão.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior do que os blogs estão os vídeos no youtube e o instagram. O instagram virou um campo minado de perfis para divulgação de produtos de décima categoria! O que tem de instagramers vendendo a alma para fabricas de cosméticos de fundo de quintal é brincadeira!
      Beijos

      Excluir
  8. É Betty, tá difícil mesmo trabalhar com nossos blogs, quando tem MUITA blogueira que se vende por qualquer amostrinha de shampoo (e ainda acha que está arrasando). Eu recebo cada proposta de empresa que nem te conto... só fugindo para as montanhas mesmo. :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também ando recebendo propostas indecentes de empresas... Fazer o que? Os marketeiros estão acostumados a fazer bloguerias trabalharem de graça, mas eles não querem trabalhar de graça, só nós é que devemos.

      Excluir
  9. Betty sou dessas que busca por reclamações de produtos que desejo, a tempos que percebo que o uso comercial é mais forte do que a opinião em si. Nunca tentei fazer do blog um ganha pão, mas entendo que quando ser blogueira é um trabalho a pessoa tente colocar seus interesses financeiros sobre realidade. Por isso sempre fico com um pé atrás com isso tudo.
    Valeu pela dica.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema não é bem ser um ganha pão, mas sim transformar o blog num terreno baldio em troca de bugigangas! Se ainda fosse para ganhar dinheiro, vá lá, mas trocam a própria opinião por produtos dos quais nãoprecisam!
      Beijos

      Excluir
  10. Ei Betty
    Apesar de não cair muito neste engodo, ontem me peguei bem tentada a adquirir um kit para cabelos no valor de 297 reais, só que a pessoa não é blogueira, foi no Instagram dela, melhor no stories.Cheguei a simular a compra, depois pensei bem e cancelei tudo.Vou enviar pra vc por mensagem o nome dela pra ver se você conhece.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hoje em dia o instagram está muito poderoso! a maioria da garotas que recebe produtinhos em troca de serviços está por lá. Fiquei curiosa... Se puder me mandar pelo in box do face, agradeceria...
      Beijos

      Excluir
  11. Olá Betty
    Gostei muito da sua sinceridade neste post .
    Sempre pensei isso ,mas agora confirmei meus pensamentos com sua post .
    Abbraccio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigadim... Tô adorando encontrar vc pelo G+

      Excluir
  12. Bem, pra começar sou antiquada e fidelíssima aos produtos que uso. Só paro se não fabricam mais! Não sei, é da minha personalidade, mas também não sigo blogs desse tipo. Gosto do seu que abrange diversidade de assuntos. Dias atrás estando na fila do caixa de um supermercado ouvi uma senhora apaixonadamente falando de uma determinada marca de café, curiosa perguntei a marca, ela disse que estava bombando na internet. Fui correndo trocar minha preferida pela que bombava na internet. Resultado:uma bela porcaria! Há! Há! Abração! Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou novidadeira e adoro experimentar coisas novas. Às vezes dá certom outras não, mas minha curiosidade me mata...

      Excluir
  13. Me conquistou com a frase: "Eu tenho visto blogueiras mostrando cabelos que parecem que foram mastigados por uma cabra" hahahahaha Infelizmente, tem muita moça inexperiente que acaba caindo nesse tipo de cilada e perdendo a credibilidade por causa disso... E muitas pessoas também não sabem o que é uma resenha, como se faz etc, assim, é bem fácil enganar o consumidor ou o próprio se deixar enganar. Adorei o texto e sua sinceridade. Meu blog não tem nada a ver com o seu nicho, mas também gosto de ver dicas de produtos bons e baratos, se possível =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andrea,
      embora eu fale de produtos de beleza, meu nicho é moda, só que não aguento ver bobagens sendo feitas e ficar caladinha, ainda mais pq eu já cai no canto de sereia de algumas blogueiras e me dei mal.

      Excluir
  14. Betty, eu também já me iludi e depois fiquei me achando uma consumista "inocente". Não consigo me imaginar falando bem de algo que eu não gostei.
    bjk

    ResponderExcluir
  15. mt bacana seu post! acho que a gente tem que se identificar com a blogueira, com o tipo de pele, cabelo e avaliar sempre os pontos positivos e negativos nas resenhas

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  16. Oi Betty!
    Nunca caí no "conto das resenhas de produtos de beleza", não curto muito esse assunto em blogs. Tô aqui morrendo de rir com sua frase: "cabelos que parecem que foram mastigados por uma cabra" rs. Adoro seus textos, vc tem um jeitinho todo especial de falar de assuntos sérios com pitadas de humor;)
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Betty,
    Tem empresas que só querem ganhar, eu não caio em propagandas enganosas e tem gente
    que até cai o cabelo ao invés de parecer palhas. Rsrs
    Eu deixei de fazer propaganda para muitas empresas, tem produtos que não valem à pena, prefiro ser honesta com meus seguidores e cuidar melhor da minha saúde.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Adorei a comparação com os índios do tempo de Cabral... muito a calhar!

    ResponderExcluir



SUBIR