Velvet Colección As Costuras Do Amor – assista apesar do nome infame

29 de junho de 2018 7 comentários



Velvet Colección é uma série espanhola da Netflix que no Brasil recebeu o nome de Velvet As Costuras Do Amor. Fala a verdade, com este nome brasileiro não tem série que sobreviva, não é mesmo? Quem é o imbecil que renomeia as séries no Brasil?  Esqueça este nome horroroso e assista a série como Velvet ou Velvet Colección.




Resenha


A série se passa em Barcelona, nos anos 60, numa época em que o prêt-à-porter está iniciando por lá, pois até então os ateliês só trabalhavam com alta costura.

Velvet é uma grife de alta costura que resolve ampliar os seus negócios indo para o campo do prêt-à-porter.

Tem romance na série sim, afinal é um novelão e um novelão espanhol, mas tem muita intriga, negócios, jogos comercias, bastidores da alta costura. Não é a série mais original da Netflix, mas é uma série com foco em moda e moda dos anos 60, então só por isto já vale a pena assistir.




No primeiro e segundo episódios o tom dos atores é um tanto forçado nas cenas que envolvem moda ou comédia. As falas são gritadas, aceleradas e os trejeitos são um tanto caricatos. Sabe quando homem imita um gay tendo chilique? Homem quando quer imitar gay parece tudo, menos gay, não é mesmo? Pois bem, os atores parecem homens tentando imitar gays, e até as atrizes fazem isto. Mas aguente firme que este surto de fazer gracinha sem graça vai passando e do terceiro episódio em diante quase não se nota (eu disse “quase”, porque às vezes o diretor leva os atores para este lado ridículo).




Porque assistir


A série é muito bem cuidada em matéria de figurino, mas dizem que o maior trabalho ficou por conta da digitalização de imagens para poder transformar Barcelona na Barcelona dos anos 60. Tudo é tão perfeito que parece que você está vivendo dentro da década de 60.

Se você gosta de moda e de história, vai gostar de ver como a minissaia foi aceita pelas mulheres e que ela possibilitou a abertura para outros tipos de roupas, como o biquíni, outra ousadia fashion da época.

Vamos dizer que você não ligue nadinha para moda, então assista pelo atores. Tem uma boa safra de gatos soltos na tela.




Preste atenção


No terceiro episódio da série aparece a Imperatriz do Flamenco, Carmela Cortés, interpretada por Mónica Cruz. Eu pensei que estivesse vendo a Penélope Cruz em cena, só depois que fui pesquisar é que descobri que a Mónica Cruz é sua irmã mais nova. A semelhança entre ambas é incrível.

Embora as cenas feitas com ela na loja da Velvet sejam caricatas, ela dá um show dançando flamenco, o que por si só já valeria a sua participação.

Ouvidos atentos: a trilha sonora é maravilhosa, embora não tenha só músicas dos anos 60, é uma trilha muito gostosa de ouvir.




Moda e Figurino


O figurino é deuso, com os vestidos tubinhos, minissaias, botas coloridas, cabelos armados e tudo que foi marcante nos anos 60.

Dá vontade de copiar cada um daqueles modelos e se jogar num estilo retrô.
Cada episódio é uma viagem fashion pelos anos 60, da cabeça aos pés.

💙💙💙 

Aproveite cada minutinho desta viagem do tempo e se você quiser entrar no clima, prepare uma cuba livre para saborear enquanto assisti.






Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

7 comentários :

  1. Oi Betty... já está na minha lista para assistir, eu ando apaixonada pelas
    séries espanholas!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  2. Olá Betty .
    Gosto destas séries .Roupas /decoração muito lindas .
    Excelente sugestão .
    Abbraccio

    ResponderExcluir
  3. Menina, fiquei curiosíssima para relembrar essa década maravilhosa onde tudo aconteceu. Minha filha, a mais velha, vive falando que ela queria ter nascido nessa época. Pois então quero assistir pelo seu relato incrível! beijinhos!

    ResponderExcluir
  4. Que legal, Betty! Pelo nome eu não me interessaria também...
    Mas pelo que você mostrou aqui atiçou minha curiosidade!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Uma prima me indicou essa série. Agora você. Não é bem o estilo de que gosto, mas vai para a "Minha Lista". Ah!... super concordo com vc sobre o título e sobre quem renomeia as séries e filmes no Brasil.. :/
    Beijo&carinho :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é a primeira série ou filme que pego com uma nome estranho, para não dizer "cafona".

      Excluir
  6. Simplesmente apaixonada pela série. Adoro.

    ResponderExcluir



SUBIR