18 de abril de 2019

Alta Frequência -Tratamento de choque para queda de cabelo

Alta Frequência -Tratamento de choque para queda de cabelo

Não é de hoje que vem o meu perrengue com o meu cabelo. Já andei falando aqui de Keranat e outras coisitas mais que andei tentando para recuperar o meu lado Rapunzel. Pois agora é a hora e a vez do aparelho de alta frequência. Estou fazendo, literalmente um tratamento de choque para queda de cabelo, sim porque o aparelho de alta frequência dá leves choquinhos no couro cabeludo para estimular a circulação e fazer com que os cabelos nasçam mais fortes e saudáveis.

 


Senta que vem história...


Eu vi no instagram o anúncio de uma clínica de tratamento capilar com alta frequência aqui na minha cidade, e como a avaliação era gratuita, lá fui eu. Já fiz um monte de consultas com dermatologistas, mas aquela foi a minha primeira consulta com um tricologista. Tricologista é um profissional que lida apenas com problemas do cabelo. Não sei se a profissão exige alguma formação técnica especial, creio que não, mas o tal do tricologista tinha um aparelho que mostrava o couro cabeludo aumentado. Sabe quando você não consegue ver nada? Eu não sou boa para enxergar essas coisas. Sou aquele tipo que quando mostram o ultrassom de uma gravidez avançada e dizem: “olha que lindo o meu bebê”, eu sorrio como se estivesse entendendo e vendo um bebê naquele borrão cinza, mas não consigo ver nada. E pensar que tem gente que consegue ver até o nariz do pai, a boca da mãe ou se puxou os dedos dos pés da avó, naquele simples borrão do ultrassom. O mesmo aconteceu no tal tricologista com sua lente de aumento que projetava a imagem numa tela de computador. Eu fingi que estava vendo e entendendo tudinho, mas não entendi nada, não vi nada, mas resolvi topar a brincadeira.


Durante um mês, fui à clínica três vezes por semana e o esquema era o seguinte...

Alta Frequência -Tratamento de choque para queda de cabelo

Tratamento realizado na clínica


1. Passavam o aparelho de alta frequência no couro cabeludo
2. Lavavam meu cabelo e passavam uma série de produtos
3. Me colocavam vaporizador
4. Lavavam meu cabelo tirando os produtos
5. Secavam e faziam escova no meu cabelo
(no segundo mês de tratamento aqui ocorreu uma mudança no procedimento)
6. Passavam o aparelho de alta frequência no couro cabeludo.

Modo de usar o aparelho


1. Passavam o eletrodo de vidro com a ponta menor em todo o meu couro cabeludo
2. Passavam o eletrodo em formato de pente em todo o meu couro cabeludo e também nos fios de cabelo
3. Passavam o eletrodo com a cabeça em formato de cebolinha em volta do meu couro cabeludo, orelhas e sobrancelhas (para combater qualquer dermatite que pudesse existir).

Cuidados a se tomar ao usar o aparelho de alta frequência



O único cuidado que precisa ter ao usar o aparelho é que o cabelo esteja bem seco e não estar usando nenhuma joia ou bijuteria, ou seja, nada de metal. Também não deve usar o telefone celular na hora em que estiver usando o aparelho.

Alta Frequência -Tratamento de choque para queda de cabelo

Para que serve o aparelho de alta frequência


O aparelho de alta frequência não serve apenas para o cabelo, mas para vários tipos de problemas de pele, como acne, olheiras, poros dilatados e outros.
O aparelho tem um efeito cicatrizante e antisséptico também, então se a pessoa tiver uma espinha ou qualquer outra inflamação, ao colocar o eletrodo em contato com ela a tendência e secar e eliminar o problema.

Primeiros resultados


No final do primeiro mês eu estava lotada de cabelinhos novos nascendo, principalmente do lado esquerdo do meu couro cabeludo. Sei lá porque, mas meu lado direito reagiu e ainda reage de forma bem mais lenta ao tratamento.

Nova avaliação pelo tricologista


Chegou a hora de passar por uma nova avaliação, e lá fui eu para uma nova consulta com o tricologista e sua lente de aumento. Se eu não consegui ver nada da primeira vez, menos ainda eu vi da segunda, e ele tinha a imagem da primeira consulta para comparar com a da segunda consulta, mas para mim as tais imagens não mostravam nada, a não ser uns fios enormes, que mais pareciam cabos de aço.

Continuidade do tratamento na clínica


Resolvi continuar o tratamento por mais um mês na clínica, e daí entrou, além do tratamento com o aparelho de alta frequência, o uso do Minoxidil. Minoxidil já era meu velho conhecido.
Para quem não sabe, a Loção de Minoxidil faz com que nasça cabelo e todos os dermatologistas a indicam. O problema desta loção é que ela deixa o cabelo pesado, duro e grudento.
O procedimento era o mesmo da primeira fase do tratamento, mas após lavarem o meu cabelo, secavam 80% e daí passavam o Minoxidil. Depois terminavam de secar e o tudo mais que acontecia antes.
Em vez de ir três dia na clínica, passei a ir cinco dias, para intensificar o tratamento.


Terminado o segundo mês eu estava com muitos fios novos na testa e realmente o resultado era visível. Não cheguei a passar pela terceira avaliação, eu já estava cheia de ter que ir à clínica todos os dia.

Alta Frequência -Tratamento de choque para queda de cabelo

Comprei o aparelho de alta frequência


Meu medo era que os cabelinhos novos não fossem em frente, pois são cabelos finos, ralinhos, que nascem entre os cabelos normais, então para não perde-los, resolvi comprar o aparelho de alta frequência.
Não foi difícil encontrar o aparelho on line, e também não foi caro, para falar a verdade ele custou 2/3 do preço de um mês de tratamento.
O aparelho é facílimo de usar e eu tenho usado todas as noites. Não lavo o cabelo todos os dias, mas sim duas ou três vezes por semana. Após usar o aparelho eu passo o Minoxil, com cotonete, na parte da frente do meu couro cabeludo, que é o local onde o meu cabelo está mais fraquinho.

Usando o aparelho na pele


Como o aparelho estimula a circulação, tenho usado nas ruguinhas mais finas e estou tendo um resultado razoável, pois a pele fica mais viçosa, mais brilhante. Uso o aparelho à noite na pele higienizada e depois de usá-lo passo meus produtos antirrugas.
Andei olhando na internê e vi que algumas pessoas têm dificuldades ao usar o aparelho em pele oleosa, então colocam uma gase entre a pele e o aparelho para que ele deslize melhor. Experimentei colocar a gase e realmente ela ajuda um bocado, mas o melhor mesmo é colocar o eletrodo com ponta menor, pois se você usar o eletrodo com cabeça em formato de cebolinha ou folha vai sentir que ele desliza com dificuldade.

Resolvi meu problema de queda de cabelo?


Parece que sim, mas prefiro esperar mais um tempo para afirmar com convicção, pois estou no meio do terceiro mês de tratamento. Meu cabelo não cai mais ao ser lavado e está nascendo e crescendo.

Algumas dicas extras para deixar seu cabelo mais saudável


1. Pare de usar tintura comum


Eu retocava minha raiz de 10 em 10 dias, e usava tintura comum. O tricologista trocou a minha tintura para um tonalizante sem amônia. O efeito é o mesmo da tintura, é bem fácil de encontrar nas lojas especializadas e até mesmo em supermercado, mas é bem mais caro.
O tonalizante sem amônia não arde no couro cabeludo e agride bem menos a pele e os fios.

2. Chapinha nunca mais


Eu tenho cabelo liso, mas estava viciada na chapinha, pois meu cabelo estava muito danificado pela tintura e pelas mechas, então toda vez que lavava o cabelo, eu passava a chapinha para que o cabelo assentasse e ficasse brilhante. A chapinha foi triturando mais e mais meus fios e nos últimos tempos, se eu lavasse o cabelo e não passasse a chapinha, meu cabelo parecia a cobertura de sapé de uma cabana.
Tentei fazer escova sozinha, mas apanhei muito! Comprei uma escova rotativa, mas apanhei mais ainda, pois quase que tive que chamar o resgate para soltar o meu cabelo que embolou na escova.
Atualmente fiz um selamento no cabelo... Não estou morrendo de amores pelo selamento, pois deixou o que era liso, mais liso ainda, e mudou um pouco a cor do meu cabelo, que tendia para o platinum e agora está mais para o amarelo, mas já estou corrigindo com máscara desamareladora na hora da lavagem.
Embora o selamento seja um procedimento agressivo, ele é feito para durar um bom tempo sem que eu fique passando a chapinha dia sim dia não no cabelo, além do mais é bem prático, pois saio da academia e lavo o cabelo, daí é só bater o secador que estou pronta, sem ter que modelar.

3. Xampu e condicionador com PH abaixo de 5


Eu nunca tinha me preocupado com o PH dos produtos que eu usava nos cabelos, mas, segundo o tricologista, produtos com o PH mais baixo danificam menos o cabelo. Nem todos os xampus, condicionadores ou máscaras trazem o PH nos rótulos, mas dá para encontrar fazendo uma consulta no Google.

💙💙💙

Se você quiser fazer o seu cabelo crescer muito, eu recomendo o Keranat, do qual já falei aqui no blog, mas para fazer nascer cabelos novos, o mais eficaz é o aparelho de alta frequência combinado com o Minoxidil.

Foto Canva

6 comentários:

  1. Olá Betty
    Quando penso no dinheirão que gastei com meu cabelo fico arrepiada .
    Um dia estava morando no exterior e não podia gastar o dinheirão .
    Resolvi lavar a cabeça e casa e sair .
    Sucesso total .
    Assumi tudo ,roupas /corpo/e cabelo brasileiro .
    Estou no momento morando no exterior e o cabelo continua um sucesso .
    Acho que tudo depende da nossa cabeça (interna) e a externa fica maravilhosa
    Abraçooooo e saúde .FELIZ PÁSCOA
    Leio o seu blog dentro do meu blog .
    marina-seischi.blogsot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu não dependia da minha cabeça não, o meu caso é hormonal, devido à medicação contra o CA, e o pior é que não posso fazer reposição hormonal para acabar com o problema, mas descobri que tem jeito, mesmo sem medicação. Meu cabelo está voltando ao que era antes.
      Beijos

      Excluir
  2. nossa que interessante conhecer esse tratamento, eu tbm tenho bastante problema com queda de cabelo e achei mt bacana conhecer o aparelho

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Adorei suas dicas, meu cabelo está caindo muito. Já tentei mudar alguns hábitos e produtos e estou precisando me consultar com um dermatologista ou tricologista. Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pri,
      Eu estou gostando muito da alta frequência, mas cabelo cair no outono é normal. Se preocupe se a queda continuar no inverno.
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Betty... aqui na minha cidade não tem ninguém que faça esse tratamento, que pena... gostei das dicas também!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir

Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Desenvolvido com
POR LORY DESIGN