12 de julho de 2019

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Meu Eterno Talvez é um filme romântico, uma comédia romântica digna dos anos 90, só que em vez de Meg Ryan e Tom Hanks, o casal principal é asiático, Ali Wong e Randall Park. Tirando o fato do casal ser asiático, o filme não tem nada de inovador, ainda assim é um filme delicioso, cheios de clichês deliciosos.

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Resenha


Sasha (Ali Wong) e Marcus (Randall Park) são amigos desde criança, e todos apostam que eles ficariam juntos quando fossem adultos. A família de Sasha é um bocado ausente, então ela passa grande parte de seu dia na casa de Marcus, onde aprende a cozinhar com a mãe dele.
O casal se separa na época de ir para faculdade e cada um segue a sua vida em cidades diferentes, sendo que Sasha se torna uma chef de cozinha premiada e muito conhecida, enquanto Marcus continua morando em São Francisco com o seu pai, trabalhando como instalador de ar condicionado e tocando, á noite, em barzinhos com sua banda.

Depois de 16 anos separados o casal se reencontra e a química entre ambos começa a se manifestar novamente.

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Porque assistir


Meu Eterno Talvez é um filme leve e gostoso, que não chega a arrancar gargalhadas, mas sim alguns sorrisos. É um filme previsível, mas nem por isso é um filme ruim ou chato.

Não dá para não torcer pelo casal, mesmo sabendo que eles são muito diferentes. 

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Preste atenção


Keanu Reeves faz uma participação como namorado da Sasha e (meu Deus!) ele está maravilhoso. Não dá para deixar de notar a beleza física e o carisma de Keanu quando ele é colocado junto com os demais atores. Keanu brilha!!!
O melhor é que Keanu Reeves representa Keanu Reeves mesmo, só que na sua versão mais chatinha, pois ele deixa claro que se acha o máximo.

Keanu Reeves está lindo, sexy e engraçado.

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês

Moda e Figurino



O figurino da Sasha é top! Só não gostei dos sapatos que ela usa, pois ela é baixinha e para conseguirem um pouco mais de altura, colocaram a atriz Ali Wong em cima de sapatos e botas de plataforma que na maioria das vezes pesam nos looks. Tirando os sapatos, dá vontade de roubar cada um dos looks que a Sasha usa.

Meu Eterno Talvez um filme deliciosamente cheio de clichês


Meu Eterno Talvez é um filme é clichê e eu já falei isso no começo, mas no final ele fica extremamente romântico e na cena que Marcus se declara para Sasha, quando ela está no tapete vermelho, me lembrou muito Um Lugar Chamado Notting Hill. Confesso que chorei nesta cena. Fazer oque? Sou uma romântica incorrigível!
Não é um filme para altas reflexões e nem mesmo digno de um Oscar, mas vale a pena assistir com um copo de refrigerante e um saco de pipocas ao lado.





4 comentários:

  1. ah to super na vibe de ver essas comedias romanticas bobinhas pra passar o tempo hehe vou procurar no final de semana

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Olá Betty
    Aaaaahhhhhh como não se apaixonar por um bom romance? Deixam a gente leve e permanecem conosco por um bom tempo depois do final feliz.
    Eu não tenho nada contra clichê, alguns são muito bem roteirizados e com personagens carismáticos.
    Fiquei curiosa com Meu Eterno Talvez.
    Gostei muito da resenha e levo a indicação.
    Esse ano já revi Keanu Reeves em A Casa do Lago, 47 Ronins e Matrix.
    Excelente fds pra ti
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Betty
    Vou procurar aqui este filme . Suas dicas de filmes sempre são ótimas .
    Ótimo final de semana querida

    ResponderExcluir
  4. Oi Betty... ótima dica, ultimamente tenho preferido os filmes "adocicados", rsrsrs
    Beijosss

    ResponderExcluir

Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Desenvolvido com
POR LORY DESIGN