Do que você se orgulha? - Gosto Disto!

14 de maio de 2020

Do que você se orgulha?

Do que você se orgulha?


Todo mundo faz ou fez algo na vida que sente orgulho de fazer ou ter feito. Pode até ser uma coisa bobinha, por exemplo, meu marido é responsável por lavar a louça aqui em casa e sempre que termina ele me chama para mostrar, todo orgulhoso, como está bem feito. Muitas vezes a gente se orgulhosa por uma conquista, como passar numa faculdade, se formar, passar num concurso, coisas que não acontecem todos os dias em nossas vidas, mas que acontecem em muitas vidas.


Só tenho um pouco de medo de me orgulhar dos feitos de minha filha. É logico que me orgulho dela, da ótima aluna que sempre foi, da ótima profissional que é, mas não quero que ela se sinta obrigada a fazer o que eu não fiz, fazer aquilo que eu queria fazer e não pude. Sinto orgulho dela e por ela, mas evito jogar a carga de minhas necessidades sobre ela, pois minha mãe jogava esta carga sobre mim e não deu muito certo, eu fracassei muitas vezes na vida e na maioria delas fracassei tentando agradar aos meus pais, tentando ser aquilo que eu não queria ser, eu começava a fazer as coisas com a angustia de ter que vencer, e daí fracassava, tendo tudo para vencer, eu fracassava.
Só me dei conta de minha capacidade depois de adulta e já liberta das expectativas de meus pais (ser filha única tem algumas desvantagens, e esta é uma delas), e esta libertação começou a me dar vitórias, conquistas pessoais e muito orgulho de meus feitos, fossem eles pequenos ou grandes.
Minha mãe tinha um lado feminista que me impediu de aprender trabalhos manuais femininos, pois segundo ela, eu não estava neste mundo para estas trivialidades, mas sim, para vencer na vida e me sustentar, não depender de homem nenhum. Imagine que dureza para uma garota que adora trabalhos manuais e artes plásticas ter que aprender por conta própria tricô, crochê e bordado. Sim, eu sei fazer tudo isto e sou autodidata, com muito orgulho!
Orgulho é conquista, pequena ou grande, é se saber capaz e fazer, mesmo que digam para você que você não está pronta, que você não pode ou não vai conseguir, se disserem e você conseguir, melhor ainda, aumenta a carga de auto confiança e consequentemente de orgulho próprio.
Nesta quarentena eu estou com orgulho de mim novamente, e sabe por que? Resolvi reaprender inglês, o meu estava bem capenga e toda vez que eu viajava era um suplício. Primeiro eu tentei num curso pago, que não era nada bom e bem desestimulante, depois descobri o Duolingo (é de graça e tem vários idiomas disponíveis) e estou adorando! Estou entendendo uma boa parte das coisas que falam nos filmes, estou entendendo muitas letras de músicas e descobri regrinhas do idioma que estão me ajudando muito. A cada pequena vitória nas minhas aulinhas de inglês eu comemoro e estou sim orgulhosa de mim.
Agora a pergunta que não quer calar: do que você se orgulha?


Foto: Rachel Martin via Unsplash

16 comentários:

  1. Olá, querida Betty!
    Eu me orgulho da família linda e abençoada que Deus me proporcionou.
    Gostei do seu texto, você é super objetiva e sempre nos inspira!

    Beijinhos no seu lindo ♥
    Andréa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ter uma família unida é um motivo de orgulho, mas eu me orgulharia muito se soubesse cozinhar como vc.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Betty... eu me orgulho de ter tomado decisões certas, tomei muitas erradas também, mas as certas acabaramsuplantando as erradas e hoje vejo que se eu não tivesse a coragem de fazer muitas coisas minha vida teria tomado um rumo diferente.
    Me orgulho da minha jornada!!!
    Beijosss e um ótimo dia!!!
    *Aqui está chovendo, delícia!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também tomei algumas decisões erradas na vida, mas quem nunca? Acho que as decisões erradas servem como lição e com elas aprendemos o caminho certo a trilhar. Eu me orgulho de vc com três filhos e uma carreira linda!
      Beijos

      Excluir
  3. Todas as pessoas tomaram decisões erradas e certas. É inerente do ser humano.
    Eu tenho orgulho de ter um filho que prosperou, mudou de país, é trabalhador, é inteligente .. e me deu uma neta saudável e linda.

    Eu também me orgulho de pequenos feitos, por exemplo, nessa quarentena voltei a costurar coisinhas de casa (que não fazia há anos, mandava tudo para costureiras). Também reaprendendo meu inglês raso rs, pelo Duolingo (iniciei pela terceira vez), nunca tinha tempo. Pois é, as coisas mudam, né amiga?
    blogjoturquezzamundial
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jô,
      Queria arrumar tempo para costurar. Tenho uma máquina e sei um pouquinho, mas meu tempo ficou mais comprometido com a quarentena, pois eu não fazia qse serviço de casa e agora virei faxineira, marceneira, eletricista... tô me virando.
      Beijos

      Excluir
  4. Eu acho que o orgulho sempre deve vir com uma pequena dose de humildade para que não vire um sentimento negativo. E é bom para a autoestima que nos orgulhemos até mesmo das nossas pequenas conquistas.
    Fico feliz que o seu inglês esteja evoluindo. Por aqui eu ando orgulhosa dos meus feitos na cozinha, pois nunca gostei de cozinhar, mas geralmente me saio bem, haha.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leslie,
      Eu sou um desastre culinário, mas ainda quero arriscar a fazer um bolo com buraco no meio, aquele bolo que toda mãe faz. Ainda chego lá, e quando chegar vcs vão ter que me aguentar!!! Vou ficar orgulhosa, sim!
      Beijos

      Excluir
  5. Betty, eu me orgulho do meu percurso de vida. Apesar dos erros, valorizo as conquistas . Valorizo imenso os afetos. Sei que sou querida pelas minhas pessoas e isso é a maior das conquistas.
    Em termos práticos e inspirada pelo seu exemplo, pretendo retomar o estudo do alemão, de momento, completamente enferrujado.
    Beijinho grande.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha filha fala alemão, pois estudo na Alemanha, mas até eu chegar lá vai levar mauito tempo. Por enquanto só inglês mesmo e quem sabe um dia espanhol.
      Beijos

      Excluir
  6. Me orgulho da mulher que me tornei e das conquistas que fiz.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  7. Oi Betty,
    Eu me orgulho de tanta coisa...rsrsrsr

    Mas recentemente resgatei um gato abandonado em um hotel em que estava hospedada. Foi uma loucura enfrentar a resistência do meu marido, e abrir mão de minhas férias para ir atrás de um abrigo na cidade, o que foi inviável ( não tinham condições) e depois fazer todos os procedimentos para trazê-lo para São Paulo no avião, na ilusão de alguma amiga adotá-lo. Mas depois de tudo o que passamos juntos, não deu pra me separar dele, virou meu filhote.
    Eu me orgulho de ter seguido o meu coração quando todos me criticavam e diziam que era loucura, que eu devia deixá-lo lá, sabendo que queriam dar fim nele porque estava incomodando os hospedes com seus miados desesperados pedindo ajuda.
    Ele é o ser mais fofo e amoroso que já vi...Está lindo e bem e o marido acabou se apaixonando por ele também...
    Cada vez que olho para ele, digo, a gente tem uma história incrível prá contar!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É pra se orgulhar mesmo! Salvar uma vida é só para almas boas. é muito fácil se penalizar, mas agir e resgatar é só para as corajosas e com o coração grande.
      Beijos

      Excluir
  8. Betty, eu adoro o Duolingo! Comecei a fazer francês lá e gostei demais. Infelizmente não estou tendo muito tempo de dar continuidade agora, mas sempre recomendo o site pra todo mundo! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu demorei para descobrir, estava fazendo um curso de inglês no Terra, pago e muito chato!!! Estou adorando o Duolingo.
      Beijos

      Excluir
  9. Olá Betty! Eu tenho orgulho da minha capacidade de adaptação e superação. Da minha força interior e da mulher que eu me tornei. Bom fim de semana amiga! Beijinhos

    ResponderExcluir

Copyright 2019 - Todos os direitos reservados - Desenvolvido com
POR LORY DESIGN