2020 é o fim dos blogs? #sqn

 

Como ter um blog em 2020

É só eu falar sobre blogs, redes sociais e seguidores, que surgem os comentários de que os blogs acabaram, que é o fim dos blogs, e muitos blogs acabaram mesmo, mas os blogs, em geral, estão bem longe do fim.

Estou na blogosfera há 10 anos e comecei do nada, sem saber o que era um blog, como funcionava, o que eram seguidores e até mesmo o que era seguir alguém. Entrei de gaiata, com o diria Herbert Vianna, que entrou de gaiato num navio, só eu não entrei pelo cano.

Nestes 10 anos conheci muitos blogs, fiz muitos amigos, perdi muita gente de vista e também reencontrei pessoas.

Como nunca esperei ganhar dinheiro com o blog, quando ele começou a render uns trocos foi uma grata surpresa. Nunca dependi do blog para viver, mas quando entra alguns trocos, fico feliz. Confesso que algumas vezes entra bem mais do que eu esperava, mas não quero monetizar o blog de um tanto que eu tenha que me dedicar a ele mais ainda do que me dedico, e me dedico muito.

Desde que comecei com o blog eu leio que é o fim dos blogs. Primeiro vieram os arautos do Armagedom dizendo que os blogs seriam suplantados pelo Facebook, e um bando de blogueiros correram para o Facebook sem saber que aquele espaço não pertencia a eles e que o Mark Zuckerberg não quer que ninguém se dê bem por lá, mas sim somente ele. Gastar o seu tempo e dinheiro no Facebook é plantar no pomar do Zuckerberg e ficar assistindo ele colher os frutos que você plantou sem receber nada em troca.

Depois veio o Youtube e o pessoal que sabe que tem gente que não gosta de ler, correu para lá, afinal o Youtube iria acabar com os blogs.

Tem muita coisa boa no Youtube, mas tem cada tralha por lá que mete medo. É tanta gente querendo um lugar ao sol nos vídeos que a maioria deles é lixo. Tem gente falando errado, tem gente dando conselhos errados, tem gente falando do que não sabe, tem gente passando ridículo por lá e achando o máximo se expor como palhaço. Não é à toa que a Rosana Hermann proclamou:

Eu sou do tempo em que o ridículo era algo a ser evitado, não um objetivo a ser atingido.”

 

Agora o Instagram vai acabar com os blogs e tem muita blogueira debandando pra lá, se esquecendo que é uma rede social do Zuckerberg e que funciona da mesma maneira que o Facebook. É terreno emprestado cujos frutos que você cultivar vão acabar nas mão do Zuckerberg.

Ao adoro o Instagram, mas não tenho paciência para as lives, nem mesmo as dos artistas famosos, pois a pandemia desgastou as lives. Virou um porre, todo mundo fazendo lives, falando do que não sabe e nem deve falar, só para ganhar likes.

Eu tenho uma conhecida de muitos anos que tem alergia por trabalho e está indo relativamente bem no Instagram, pois não é que a criatura anda fazendo lives de como montar seu próprio negócio! Como assim, cara pálida? Você nunca trabalhou? Tem ódio de quem trabalha! O pior que deve ter gente que assistiu e deve estar tentando se adaptar aos ditames da instagramer para ver se consegue ter sucesso na vida. Como conseguir sucesso na vida com conselhos de uma fracassada?

O negócio no Instagram é tão sem medida que eu poderia fazer uma live falando sobre culinária e conseguir inúmeros likes com ela, desde que ninguém fique sabendo que meu cardápio se resume a Miojo e que, às vezes, eu queimo até macarrão instantâneo.

 

Depois de falar das redes sociais que iam e vão acabar com os blogs você já deve ter se dado conta de que os blogs não acabaram e nem vão acabar.

- Mas eu frequentava o Blog de Fulana de Tal e ele não existe mais?

R: Verdade, muitos blogs tiveram fim, principalmente os blogs pessoais. Hoje os blogs ganharam formatos mais profissionais e falar uma bobagem num blog é muito mais comprometedor do que falar uma bobagem numa live que vai ser apagada rapidinho.

Como ter um blog em 2020

Quer blogar? Então vai ter que arregaçar as mangas e começar a aprender como fazer. Eu não sou ninguém para ensinar sobre métricas, hashtags e algoritmos. Sei como usar, mas nem me arrisco a ensinar.

Blogar é aprender diariamente técnicas e criar conteúdo que possa interessar aos seus leitores.

 

Blogs e Sites que podem ensinar você a ter um blog


A Elaine Gaspareto está com o blog meio parado, pois ela teve contratempos na vida pessoal e eu espero que um dia ela volte. Ela foi a minha webdesigner (a pessoa responsável pelo desenho e formato do blog) por um bom tempo. O blog dela tem muitas dicas preciosas sobre blogagem e ela tem tutoriais bem explicados e fáceis de serem seguidos.


O Viver de Blog é feito por uma equipe, mas a estrela principal é o Henrique Carvalho. O site tem muito conteúdo free, mas também tem conteúdo pago.

O problema do Henrique Carvalho é o mesmo do Samuel Pereira, de quem eu vou falar logo a seguir, ele fala mais do que o homem da cobra, ou como diria minha filha fala mais do que pobre na chuva. Ele tem muitos vídeos com conteúdo legal, mas ele se repete tanto, roda tanto em torno de um assunto que, num vídeo de 30 minutos, se você aproveitar 5 minutos, está no lucro. Por ele ser muito prolixo, eu acabo me perdendo naquela verborragia e muitas vezes deixo passar coisas importantes.


O Samuel Pereira é o autor do Segredos da Audiência. Ele trabalha mais com vídeos do que com textos e tem muita coisa boa em seu canal no youtube, mas nem tudo é grátis.

O Samuel parece ter sido aluno na mesma escola que o Henrique, e como fala!!!

Fala muita coisa desnecessária até chegar no que interessa e muitas vezes me perco naquele palavrório todo, mas se você tiver paciência e souber separar o joio do trigo, vai aprender muita coisa interessante com ele.


O Ferramentas Blog é comandado pelo Marcos Lemos e a grande vantagem deste site é que o Marcos posta o mesmo conteúdo no Youtube e no blog.

Se você trabalha e não pode acessar o Youtube devido ao barulho, pode ler o post em qualquer lugar sem atrapalhar ninguém.

Eu aprendi muito com o Marcos e recomendo muito o seu site.

 

O Conversion é mais voltado para empresas, mas tem um blog que pode ajudar muito com assuntos do dia a dia de blogueiros e também para outras redes sociais.

Há alguns anos eu fiz um curso gratuito lá, com o Diego Ivo, e foi um dos melhores cursos que fiz até hoje! Não tem enrolação, o Diego Ivo ensina indo direto ao ponto, bem diferente dos outros que pretendem ensinar on line.


Como ter um blog em 2020

Mas afinal o que é um blog?


A definição de blog é um site informativo ou jornal que mostra as postagens mais recentes no topo da página principal.

Quase tudo que você lê na internet, encontra nas suas pesquisas no Google, são blogs.

Por exemplo: A Revista Veja que você acessa através do Google, é um blog, o portal UOL também é um blog.

Os blogs deixaram de ser para amadores e cada vez mais se tornam profissionais. Por que isso acontece? Porque dá dinheiro blogar! Tudo que dá dinheiro acaba empurrando os amadores para o banco de reservas ou até mesmo para fora de campo.

Eu estou enfrentando o fenômeno da pandemia dentro do blog, pois nunca o blog cresceu tanto! Eu não vi nenhuma pesquisa a respeito, mas acredito que, como as pessoas têm ficado mais online, acabam procurando mais conteúdos veiculados pelos blogs.

Ter um blog é pisar num terreno só seu e aquilo que você ganhar não vai parar nas mãos do Zuckerberg. Aqui eu posso escrever o que eu quero sem ter medo de que alguém venha tomar o meu espaço, como já me aconteceu no Facebook.

 

Fim dos blogs parece ser fenômeno brasileiro

 

Eu não sei se esse boato sobre os fim dos blogs ocorre também fora do Brasil, mas os blogs internacionais que eu seguia antes de pensar em ter um blog, continuam firmes e fortes, pelo menos na área de assuntos voltados ao público feminino, que é o caso do meu blog. Todos estes blogs internacionais tem algo em comum: profissionalismo + pessoalidade. Em todos eles você vai saber quem é blogueira que está falando com você, mas não vai ver esta pessoa reclamando da vida porque brigou com o marido ou porque queimou um bolo.

Blogs para funcionarem bem hoje em dia precisam ter um toque pessoal, mas também precisam ser profissionais.

Antigamente a gente entrava num blog e encontrava de tudo. Cheguei a ver uma briga de família exposta num blog; vi foto de um dedão do pé quebrado que uma blogueira achou por bem mostrar, sem que ela estivesse fazendo isso para dar uma solução para dedos quebrados, mas apenas para reclamar, o por aí iam os blogs pessoais, cheios de assuntos que interessavam somente à blogueira, ou às suas amigas mais íntimas. Você ainda pode encontrar estes blogs por aí, mas estão perdendo a força e tendem a chegar no fim.


Como ter um blog em 2020

Quer ter uma ideia dos blogs internacionais que continuam bombando?

Aqui estão eles:

 

This Is Glamorous

O blog é majoritariamente escrito e comandado pela Roséline. Eu visitava todos os dias o This Is Glamorous bem antes de saber o que era seguir um blog ou ter um blog e já andei contanto por aqui que inicialmente o Gosto Disto foi inspirado nele.

 

The Beauty Look Book

O blog é voltado para maquiagens em geral e focado em lançamentos internacionais. As maquiagens são lindas e são bem diferente das maquiagens que mais parecem máscaras que nós costumamos ver no Instagram.

A blogueira é a Sabrina e é muito profissional em tudo o que faz e tem o blog desde 2009.

 

Design Darling

Existe desde 2009 e é o blog a da Mackenzie Horan. Este blog vai super bem no ranking dos blogs internacionais. Diferentemente dos outros blogs, este blog nunca mudou a interface e tem aquele jeitinho mais antigo, trabalhando com fotos menores, colocando fotos pessoais na lateral e deixando muito espaço em branco como fundo.

 

Glitter Guide

É feito por uma equipe, mas as comandantes principais são a Samantha e a Taylor. O blog trata de assuntos femininos variados, desde 2011, e já mudou de interface várias vezes, ficando cada vez mais atual.

 

A Cup OfJo

É o blog da Joanna Goddard. Ela já trabalhou para a Glamour EUA, para a Cosmopolitan, foi contratada da Condé Nast, até que começou um blog em 2007 e este acabou sendo o seu trabalho principal. Jo vive de blog e o blog dela é bem pessoal, pessoal mas muito atual também, pois ela discute assuntos do dia a dia das mulheres, com um certo foco na maternidade, pois a Jo é mãe de dois garotos.

 

Blogs femininos brasileiros que vão muito bem

 

Como este post está ficando enorme, não vou me estender mostrando os blogs femininos brasileiros que vão indo muito bem (escolhi os blogs pelo rankeamento do SEOQuaker), apesar da torcida de alguns para que os blogs acabem: Alessandra Faria, Estilo Próprio by Sir, Living Gazette, Mulher Sem Photoshop, Just Lia, Fashionismo, Alfinetes de Morango.

Todos estes blogs que citei parecem estar sendo atualizados pela blogueira ou por uma equipe muito próxima à blogueira. Evitei blogs como o da Thássia Naves, por exemplo, que embora seja lindo, não é mais um blog feito e nem comandado pela blogueira. É um blog profissional para divulgar a Thássia e seus serviços com digital influencer.

 

Agora que você já sabe que os blogs não acabaram e nem vão acabar, mãos à obra, comece o seu blog ou tire a poeira do seu blog que está parado. Quem já tem um blog, eu recomendo que atualize a interface continuamente e que contrate o serviço de uma agência para isto. A Agência Auge Arts é a responsável pelo formato atual do Gosto Disto e eu recomendo muito o trabalho da Jesi, que nunca se furtou de corrigir pequenos problemas que foram surgindo e também tem uma paciência nipônica para me ensinar como fazer algumas atualizações.


Compartilhe

Betty Gaeta

Gosto Disto foi criado por Betty Gaeta, publicitária, advogada e blogueira, de Bauru - SP, para falar de moda, beleza, comportamento, viagens, decoração, filmes e tudo o que se refira ao universo feminino.

23 comentários:

  1. Que post necessário, Betty. Concordo totalmente! E obrigada pela citação, foi um grande prazer dar uma repaginada no seu blog ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi jesi,
      Vc fez um trabalho fantástico, além de bonito, o blog mais que dobrou o número de visitas.
      Obrigada mesmo!
      Beijos

      Excluir
  2. Parabéns pelo post Betty. Eu sou da época que criava o blog por amor e continuo meu trabalho como blogueira e criadora de conteúdo.
    As redes sociais são passageiras, veja orkut por exemplo. Mantenho o meu blog porque certas coisas são melhores escritas do que em redes sociais que podem acabar do nada. Pelo menos o blog é meu e pago domínio por ele.
    Big beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lulu,
      O blog é tererno nosso e ninguém toma, a não ser que se faça muita loucura, mas as redes sociais são mito voláteis.
      Beijos

      Excluir
  3. Olá Betty, concordo com tudo o que você disse. O espaço é tão grande que muitas pessoas migraram no instagram achando que lá fosse ganhar dinheiro ou algo do tipo.. eu particularmente prefiro o blog.

    Um beijo,
    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda,
      Pq seu blog não estava no meu blogroll? Desculpe a falha, pois agora ele está.
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Betty,
    Não acredito no fim dos blogs, mas que a maioria das pessoas anda com preguiça de ler, e quer flashes de informação, é verdade.
    Gosto muito mais dos blogs em termos de conteúdo, não dá pra comparar! O Instagram é muito volátil, a barra de rolagem salta centenas de postagens a cada segundo.
    Ando bem cansada com a história toda da Pandemia, pensando seriamente em aposentadoria...ir morar no mato e curtir a natureza...
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris,
      A pandemia tem o se lado bom, para os blogs, que estão crescendo, mas tirando isso, eu também já estou exausta deste isolamento social.
      Beijos

      Excluir
  5. Adorei o post e concordo com tudo o que foi dito! Tenho blog há mais de 10 anos e, sem dúvidas, é nele que meus esforços são focados. As redes sociais possuem diversos benefícios e pontos que podemos agregar em nosso trabalho, mas, como foi dito, se tudo acabar, nós teremos nossos respectivos blogs garantidos.


    Um abraço,
    Patricia

    Blog Patricia Faria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As redes sociais podem ajudar o blog e ajudam muito, mas não dá para transformar uma rede rede em foco principal, pois rede é volátil.
      Beijos

      Excluir
  6. Também não acredito no fim dos blogues. Enquanto existirem pessoas talentosas e dedicadas, nunca vai acabar. Pessoalmente prefiro blogues ao youtube e facebook, acho que permitem conhecer melhor quem está do outro lado :)

    Vou visitar os blogues que sugeriste. Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Blogs retornaram ao crescimento após a pandemia e o isolamento social.Meu blog mais do que dobrou o número de visulizações.
      Beijos

      Excluir
  7. Jane Quintela de Carvalho8 de outubro de 2020 08:29

    Oi Betty... eu estou aqui com o Blog Misturinhas, já faz uns oitos anos, rsrsrs
    Não consigo blogar todo dia pois agora tenho muito trabalho como Coordenadora de escola.
    Escrevo o que gosto, o que está se passando comigo, é um Blog pessoal mesmo, sem pretensão nenhuma... mas continuo de pé e não pretendo fechá-lo tão cedo, rsrsrs
    Beijossss!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jane,
      Com a pandemia e o excesso de responsabilidades eu também tive que dr uma reduzida no número de postagens e na próxima seman vou falhar por aqui, pois além do calor de 41 graus, minha pressão baixou várias vezes e eu tive um intoxicação alimentar, mas logo o blog vai voltar ao normal.
      Beijos

      Excluir
  8. Oi, Betty, parece que você escreveu pra mim este post... Eu me distanciei do blog, dando mais ênfase para o Intagran devido à praticidade, mas confesso que gosto mesmo é de escrever, de explicar nos mínimos detalhes. O blog me dá esta oportunidade e me deixa feliz, adoro escrever aqui e embora pequenino já me rendeu um dinheirinho, mas este também nunca foi meu foco, já que não tenho tempo para me dedicar a ele. Ao contrário de muita gente, eu acabo gastando dinheiro com o blog (kkk) e estava aqui ensaiando para perguntar sobre o trabalho dos designers que atualizaram a sua interface. Eu paguei pra isso há pouco tempo, mas tenho encontrado muito erro e não estou gostando do jetio que está.
    Não importa o que apareça de novo, o blog sempre estará aqui firme e forte.
    bjK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karine,
      Seu blog já tem tempo e tem autoridade na internet. Quanto mais tempo têm os blogs , mais autoridade eles ganham no Google e4 isso não é uma coisa que se jogue fora. Gosto muito do seu instagram e acho que ele e o blog podem funcionar ao mesmo tempo.
      Beijos

      Excluir
    2. Que legal, Betty, fico feliz, pq a sua opnião é bem importante pra mim. BjK

      Excluir
  9. Eu tenho blog há 12 anos e nunca me senti ameaçado em excluí-lo. Ele é a minha casa, meu refúgio, o lugar que posso falar de tudo e aonde posso interagir com as pessoas. Verdade, vi muitos blogs começarem e terminarem nesse período, mas os nossos permanessem firmes e isso é ótimo. Parabéns pelo texto. Direto, reflexivo e verdadeiro.

    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Emerson,
      Vc está mais tempo do que eu por aqui! Isso é um grand incentivo para mim, pois as pessoas andam ficando imediatistas e com preguiça de criar. Blog é criação!
      Beijos

      Excluir
  10. Nossa! Muito legal Betty! Concordo com vc, única diferença é que eu não gosto de INSTAGRAM, na verdade detesto redes sociais, as vezes eu tenho a impressão que é um monte de gente q não sabe nada falando pra gente q sabe menos ainda e isso me preocupa, tem gente falando sobre exercício físico sem ser educador físico, falando sobre dieta sem ser nutricionista , ensinando a ganhar dinheiro com investimento, mas na verdade a pessoa ganha dinheiro é vendendo cursos e não investindo na bolsa. Tem bons conteúdos, pessoas que trabalham muito, se esforçam, mas tem muito pilantra como essa conhecida q vc citou.
    www.verdeveggie.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Julia,
      De certa forma eu falei sobre isto no meio do post, pois quando vc erra num blog, o seu erro é visível, quando vc erra no instagram, ele é tão volátil que em questão de horas aquilo desaparece.
      Como eu disse, tem uma pssoa que eu conheço falando sobre empreendedorismo no instagram, e esta pessoa tem alergia a trabalho!
      Só mesmo no instagram...
      Beijos

      Excluir
  11. Uau nem sei como começar. Sempre gostei muito de escrever e também comecei com blogs lá quando a internet era mato, e ai fui criando meu geocities, zipnet, livejournal, blogger, blogspot, wordpress, depois também paguei domínio, hospedagem e já se passaram 10 anos.

    Meu sonho sempre foi 'viver de blog', mas eu mesma me sabotei por anos e também quando vi surgindo as redes sociais eu acaba sentindo as pessoas migrando para lá. Eu mesma sempre tentei usar elas, o facebook até que usei bastante tempo, só que não era a mesma coisa.

    Infelizmente eu perdi meu foco com o passar dos anos, não posto frequentemente desde 2014 se não me engano e definitivamente não me adaptei ao youtube. Não gosto muito de ficar assistindo vídeos, sempre preferi ler os posts, até mesmo se for um tutorial de alguma coisa, para mim tem que estar escrito para eu entender melhor.

    Achei interessante sua lista e ver que muita gente não deixou morrer os blogs e até o seu que eu não conhecia (curioso, pois sempre vasculhei muito procurando blogs anos antes). E eu fiquei me perguntando também nos últimos anos se o blog ia morrer ou se morreu. Vejo sim muitos ativos, mas as pessoas quase não comentam. E também acompanho muitos blogs internacionais e fico surpresa como lá as pessoas são mais participativas para ler e comentar neles.

    Nos últimos meses senti que precisava voltar, só que ainda não sei o caminho a seguir, fico tentando procurar para me inspirar e acabo desistindo de novo. Ainda pouco vi vários blogs de uk do mais simples ao mais elaborado, e todos eles com tantos comentários, eu fiquei tão animada com isso e pensei no Brasil poderia ser assim, poderíamos ter esse retorno ou talvez eu que esteja muito por fora.

    Fiquei procurando no google e no pinterest (junto com o twitter são as redes sociais que acho mais úteis) de forma aleatória para ver se achava blogs ativos e acabei achando o seu e agora esse post. Deu um calorzinho no meu coração, pensar que talvez seja o momento ideal mesmo para voltar, pelos comentários do post vi que não estamos mesmo sozinhas nessa e isso é incrível!!

    Muito obrigada por esse post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani,
      Se vc for ao meu blogroll, vai descobrir blogs brasileiros e estrangeiros ativos, pois vivo atualizando. Existe muita gente que continua blogando e ganhando dinheiro cfom blog. Espero que vc retorne ao seu blog e encontre o caminho9 do sucesso.
      Beijos

      Excluir

Blogs que valem uma visita