Me desculpe por ser mulher...

 

Dia Internacional das Mulheres

Hoje é o dia internacional da mulher e eu gostaria de estar festejando muito, pois nós mulheres já alcançamos muitas coisas neste mundo que até hoje é criado por e para homens, mas algo dentro de mim me diz que é só o início de nossas conquistas e que o melhor ainda está por vir, e ainda está longe.

Quando encontrei esta frase no perfil do instagram DisrupDiva senti um soco no estômago, pois me fez questionar por quanto tempo estou me desculpando por ser quem eu sou, por ser mulher.

Criei minha filha sozinha, pois o pai dela era um incompetente, e ao invés de me sentir orgulhosa por isso, passei a vida me desculpando por estar fazendo o trabalho de dois, sozinha.

Por duas vezes tive cargo de direção, e em ambas as vezes fui perseguida, não por ser incompetente, mas por ser mulher! E eu sempre disfarçava para que ninguém percebesse que eu me sentia culpada por ser mulher.

Fui deixada de lado em exame oral de Delegado de Polícia, sendo que tinha feito a melhor prova escrita do concurso com a maior pontuação, e a única desculpa que tinham para me descartar era por eu ser mulher e divorciada, só que os examinadores não precisavam justificar a minha exclusão, afinal o que eu queria sendo mulher nos anos 90?

Hoje vejo que muita gente que me criticou e me excluiu, na verdade queria ter a força que eu tinha ou ao menos eu fingia ter e, no presente em que vivo sinto mais acolhimento do que rejeição, afinal eu fui aquela que fez o que muitas queriam fazer e não tinham coragem.

Hoje não me desculpo mais por quem eu sou e se tenho que pedir desculpas é a mim mesma pelas vezes que me retraí só por ser mulher e me julgar a pessoa errada no lugar errado, só por ser mulher.

Sim, eu aprendi a ser mulher na porrada, mas sei bem quem eu sou e tenho muito orgulho de ser mulher.


Você já teve que se desculpar alguma vez na vida por ser mulher? Espero que não...

Um feliz dia internacional das mulheres e nunca se esqueça que o melhor ainda está por vir.


Foto de Joel Muniz via Unsplash

Compartilhe

Betty Gaeta

Gosto Disto foi criado por Betty Gaeta, publicitária, advogada e blogueira, de Bauru - SP, para falar de moda, beleza, comportamento, viagens, decoração, filmes e tudo o que se refira ao universo feminino.

7 comentários:

  1. Olá Betty, sempre trabalhei com homens, pois sou arquiteta, e em canteiro de obras a percentagem masculina é muito superior à feminina, mas nunca me senti, em 30 anos de profissão, discriminada. Ou então, terei sido e não dei por nada. Nunca deixei de fazer nada por ser mulher, graças a Deus e sempre digo às minhas filhas que elas são tão boas ( ou melhores) quanto os homens e nunca, mas nunca, se deixarem subjugar por eles. Beijos, boa semana! Feliz dia da Mulher!
    PS: e tenho um marido que é mais mãe que eu própria! em casa só não lava louça e passa a ferro. Tirando isso, todas as outras atividades domésticas ele faz ou participa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Val,
      Existem e existiam algumas profissões que eram mais preconceituosas com as mulheres. Minha mãe era médica e nunca teve problemas, minha tia era engenheira e nunca teve problemas, até que ela subiu na carreira e deveria dirigir a Ferrovia Central do Brasil, a brecaram e deram a ela o cargo de vice.
      Minha filha é engenheira a Embraer e ganha como supervisora, mas nunca deram o cargo de supervisão a ela.
      O munda ainda fecha algumas portas para as mulheres, não quando trabalham como autônomas, mas na hora de concorrer a um cargo alto com um homem, eles ainda levam a melhor.
      Beijos

      Excluir
  2. Olá Betty,
    Não passei pela mesma situação do que você, mas observava que os homens eram preferidos quando havia oportunidades para outros cargos na empresa.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Até hj existe uma predominância masculina, afinal o mundo foi feito por eles e para eles, mas isto está mudando.
      BEijo

      Excluir
  3. Que todos os dias sejam o Dia da Mulher!

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  4. Realmente vocês tem uma força descomunal. Espero que cada dia sejam mais valorizadas.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA voltou do Hiatus de verão cheio de novidades e posts novos!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  5. Oi Betty, que frase incrível!
    Desculpa era meu sobrenome...kkkk
    Até que comecei o processo de auto-conhecimento e aos poucos fui desconstruindo o que recebi da cultura como a imagem feminina.
    Hoje me sinto muito mais livre, mas sei que temos um longo caminho para a igualdade...
    Bjs

    ResponderExcluir

Blogs que valem uma visita